18:15 25 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    11441
    Nos siga no

    Um veículo de lançamento espacial, o Soyuz-2, será o primeiro a ser enviado para novo cosmódromo da Rússia, Vostochny, situado na Sibéria. O Soyuz -2 vai deixar a fábrica no domingo, de acordo com o vice-premiê da Rússia, Dmitry Rogozin.

    O vice-primeiro ministro da Rússia responsável pela defesa disse no seu Twitter que em 6 de setembro, ele irá supervisionar o embarque da nave espacial e à noite ele vai assistir às competições da Rússia de andebol feminino.

    O espaçonave Soyuz-2 vai ser transportado da construtora Progress na cidade de Samara, no sudeste da Rússia, para o cosmódromo de Vostochny na Sibéria.

    O veículo de lançamento deve decolar pela primeira vez no final de 2015. De acordo com o gráfico, as obras no cosmódromo devem ser concluídas até 30 de novembro.

    O Centro Espacial Vostochny está em construção na Região Amur do Extremo Oriente da Rússia desde 2012. O Vostochny permitirá a Rússia para lançar a maioria das missões do seu próprio território, reduzindo a dependência do país da plataforma de lançamento espacial de Baikonur, no Cazaquistão.

    Mais:

    Lixo espacial aumentará tempo de viagem da Soyuz à Estação Espacial
    Rússia testará novo motor para foguetes de todas as classes
    Chefe da NASA: EUA patrocinam a Rússia ao invés de criar seus próprios ônibus espaciais
    Tags:
    nave espacial, cosmódromo, Dmitry Rogozin, Extremo Oriente, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar