18:49 03 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 101
    Nos siga no

    A operadora da Central Nuclear de Fukushima, no Japão, começou hoje (10) a explorar o reator 1 com a ajuda de um robô telecomandado, um passo importante para a retirada do combustível que ainda está no interior da usina afetada por um desastre nuclear em 2011.

    Os técnicos introduziram o aparelho por meio de um tubo e começaram a operá-lo, por controle remoto, para que alcance a parte superior do recipiente de contenção.

    Se a operação for bem-sucedida, os técnicos da Tokyo Electric Power (Tepco) poderão observar, pela primeira vez desde o acidente, o interior do depósito e o estado em que se encontra o óxido de urânio fundido em seu interior, o que era impossível até agora devido aos elevados níveis de radiação do local.

    O robô tem como missão medir os níveis de radiação e a temperatura no interior, bem como recolher imagens para a análise dos cientistas.

    Mais:

    Desastre nuclear de Fukushima põe em questão segurança de Usina de Angra.
    Desastre de Fukushima: detectado novo vazamento de água radioativa para o mar
    Radiação de Fukushima atinge costa canadense
    Tags:
    acidente nuclear, robô, Fukushima, Tepco, Japão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar