06:06 22 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    International Space Station (ISS)

    Acoplagem da Soyuz TMA-16M à EEI foi concluída com sucesso

    © NASA.
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 664182

    A nave espacial Soyuz TMA-16M, lançada do cosôdromo de Baikonur, se acoplou com sucesso à Estação Espacial Interncional (EEI).

    “Felizmente, a intervenção da tripulação nas atividades do regime automático não foi necessária. A nave se acoplou à EEI normalmente”, informou o correspondente da agência RIA Novosti em Baikonur.

    O cosmonauta Mikhail Kornienko e o astronauta Scott Kelly permanecerão durante um ano na EEI. O seu retorno à Terra está agendado para 3 de março de 2016. Gennady Padalka deve retornar à Terra daqui a seis meses. Ao fim da missão, o cosmonauta russo baterá o recorde de permanência no espaço, somando um total de 878 dias em órbita, superando outro cosmonauta russo, Sergei Krikalev (que passou 803 dias no espaço).

    Os cosmonautas devem realizar 49 experiências científicas em órbita, quase metade das quais é na área de medicina. Kornienko, antes da decolagem, informou estar levando para órbita uma bandeira da Rússia e um estandarte em homenagem ao Dia da Vitória. No dia 9 de maio, o estandarte receberá o carimbo da EEI e será enviado de volta para a Terra.  

    Durante a nova missão da EEI, estão sendo planejados trabalhos com as naves espaciais de carga russas Progress, bem como caminhadas espaciais. 

    Tags:
    Estação Espacial Internacional (EEI), Soyuz, Roscosmos, NASA, Scott Kelly, Mikhail Kornienko, Gennady Padalka, Baikonur, Cazaquistão, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik