15:08 19 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Charges

    Se aproveitando do coronavírus na guerra síria

    Charges
    URL curta
    Mundo lidando com COVID-19 no início de abril de 2020 (153)
    2244
    Nos siga no

    Os EUA usam a crise causada pela pandemia da COVID-19 para desvalorizar o governo da Síria, segundo informa comunicado conjunto russo-sírio.

    Se aproveitando do coronavírus na guerra síria

    De acordo com o comunicado, preparado pelos comandos de coordenação da Rússia e da Síria, os Estados Unidos desenvolvem uma campanha de incapacidade do governo sírio de enfrentar efetivamente a propagação da infecção.

    "Os EUA continuam usando cinicamente o problema mundial para desvalorizar a administração da Síria, desenvolvendo uma campanha de informação e de propaganda sobre a incapacidade dela de enfrentar efetivamente a propagação do coronavírus no país e a responsabilidade para a agravação da situação epidemiológica, incluindo nos campos de refugiados Rubkan e el Khol", diz o comunicado.

    Segundo dados dos estados-maiores, 19 casos são confirmados nas regiões da Síria controladas pelo governo.

    Tema:
    Mundo lidando com COVID-19 no início de abril de 2020 (153)

    Mais:

    Mais de 30 países desejam comprar ventiladores russos para tratar COVID-19
    Vírus gigantes poderiam controlar metabolismo de seres vivos, revelam cientistas
    COVID-19 'afunda' navios dos EUA em meio a exercícios navais da China, aponta mídia norte-americana
    Tags:
    novo coronavírus, pandemia, COVID-19, EUA, Síria, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar

    Mais charges

    • Cai fora, que esse acordo é meu
      Last update: 11:40 17.09.2021
      11:40 17.09.2021

      Cai fora, que esse acordo é meu!

      França decide cancelar comemoração histórica com EUA após Austrália trocar submarinos franceses por americanos.

    • Burocracia e míssil hipersônico
      Last update: 10:31 15.09.2021
      10:31 15.09.2021

      Míssil hipersônico que custa a sair

      Enquanto China e Rússia já possuem mísseis hipersônicos, o general norte-americano John Hyten culpou a burocracia por atrasar a produção de tal arma nos EUA.

    • EUA gastaram US$ 1 trilhão no Afeganistão
      Last update: 11:34 17.08.2021
      11:34 17.08.2021

      Afeganistão: uma caixa de surpresa de US$ 1 trilhão

      Enquanto americano, Joe Biden, disse que seu país gastou US$ 1 trilhão (R$ 5,25 trilhões) durante a campanha militar da OTAN no Afeganistão, a Rússia afirma que tudo isso foi dinheiro jogado fora.

    • Fantasma da guerra
      Last update: 13:00 06.08.2021
      13:00 06.08.2021

      'Exército fantasma' dos EUA contra China e Rússia

      General americano compara exército de robôs dos EUA para lutar contra a Rússia e China com um exército fantasma.