12:43 06 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Charges

    Quando sonho não vira realidade

    Charges
    URL curta
    1366
    Nos siga no

    Enquanto o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, está em visita oficial aos EUA, tratando de assuntos bilaterais, alguns especialistas se mostram céticos diante das expectativas da viagem.

    Quando sonho não vira realidade

    Enquanto o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, está em visita oficial aos EUA, tratando de assuntos bilaterais, alguns especialistas se mostram céticos diante das expectativas da viagem.

    Assim, Denilde Holzhacker, professora de Relações Internacionais da Escola Superior de Propaganda e Marketing de São Paulo (ESPM-SP), afirmou à Sputnik Brasil que os entendimentos alcançados na visita da delegação brasileira aos EUA, por um lado, podem melhorar o acesso das empresas brasileiras de defesa ao mercado norte-americano e atrair investimentos americanos para o Brasil. Porém, a especialista acredita que o Brasil tem grandes expectativas e nem sempre grandes resultados na parceria com os EUA.

    "As relações entre Brasil e Estados Unidos sempre tiveram momentos de muita proximidade e outros momentos de distanciamento. Nesses momentos de proximidade, sempre fica a crítica de que a gente tem muitas expectativas, o Brasil sempre apresenta grandes expectativas, com resultados nem sempre tão altos", disse.

    No decorrer da viagem de Bolsonaro, o líder americano, Donald Trump, destacou a amizade dos EUA com o Brasil que, segundo ele, "está mais forte agora do que nunca”. Porém, quando perguntado sobre as tarifas que os EUA tinham imposto sobre exportações de aço e alumínio do Brasil, Trump apenas disse: "Eu não faço promessas."

    Mais:

    Trump anuncia encontro com Bolsonaro na Flórida neste sábado
    Expulsão de diplomatas venezuelanos é 'passo para rompimento das relações', diz especialista
    Celebrado por Bolsonaro, acordo militar não garante acesso ao mercado dos EUA, diz analista
    Tags:
    Jair Bolsonaro, Donald Trump, EUA, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar

    Mais charges