03:47 02 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Charges

    Falta quanto para mundo chegar ao limite?

    Charges
    URL curta
    160
    Nos siga no

    O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, às vésperas da cúpula do G20, que será realizada de 28 a 29 de junho em Osaka no Japão, advertiu as 20 maiores potências mundiais sobre risco de perder o controle e apelou a trabalhar na resolução de crises e levar em conta o exemplo de Nagasaki.

    Falta quanto para mundo chegar ao limite?

    "Até esta visita tão curta fez com que eu me desse conta de como a lição de Nagasaki foi trágica e quanta esperança havia. Hoje, dois dias antes do encontro dos líderes mundiais em Osaka, isso também deve se tornar uma lição de responsabilidade pelo nosso futuro", disse Tusk.

    Segundo o presidente do Conselho, Nagasaki é o lugar de onde devem soar as palavras de advertência apeladas a todos os participantes do G20: "Despertem até que não seja tarde demais."

    Tusk deu os exemplos da "chantagem nuclear que sempre está presente na política da Coreia do Norte e na retórica do Irã", de conflitos regionais na Síria, Ucrânia e Líbia. Ele também falou sobre a tensão na área do comércio entre maiores países do mundo e ameaças da crise climática e futuro da revolução tecnológica, destacando que ainda não tomamos consciência das consequências deles.

    "Tudo isso mostra quão perto o mundo chegou do limite. [...] A consciência destes riscos deve ser a base da discussão em Osaka", concluiu Donald Tusk.

    Mais:

    Marinha dos EUA estaria preparada para conflito contra iranianos?
    Caráter completamente novo: como será próxima crise global?
    Empresa cibernética aponta China como suspeito principal de espionagem mundial
    Tags:
    clima, acordo nuclear, sanções, guerra, catástrofe, crise, G20
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar

    Mais charges