14:33 21 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Charges

    Fingindo que não está nem aí

    Charges
    URL curta
    318
    Nos siga no

    O presidente dos EUA, Donald Trump, afirmou que ele não sabe nada sobre o WikiLeaks nem sobre a prisão de Julian Assange.

    Fingindo que não está nem aí

    "Não sei nada sobre o WikiLeaks. Não é coisa minha […] Eu realmente não tenho nenhuma opinião", afirmou Trump a jornalistas. 

    O fundador do WikiLeaks foi preso ontem (11) na embaixada do Equador em Londres, após o presidente equatoriano, Lenín Moreno, resolver suspender asilo diplomático.

    Mais:

    Anonymous ameaçam governo britânico com retaliação por ter prendido Assange
    Correa diz que Equador entregou Assange por acordo de US$ 4,2 bilhões com FMI
    Equador prende amigo de Assange
    Tags:
    prisão de Julian Assange, WikiLeaks, Donald Trump
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar

    Mais charges

    • Ninguém deve saber que EUA estiveram aqui
      Last update: 11:57 17.10.2019
      11:57 17.10.2019

      Ninguém deve saber que EUA estiveram aqui

      Militares norte-americanos destruíram seu armazém das munições deixado na Síria após a retirada de suas tropas.

    • Quando não pensou bem detalhes do plano
      Last update: 12:25 14.10.2019
      12:25 14.10.2019

      Quando não pensou bem detalhes do plano

      O secretário de Defesa dos EUA, Mark Esper, em entrevista ao canal Fox News afirmou que militares norte-americanos se veem em uma situação "insustentável" no país árabe.

    • Armas geniais que o mundo ainda não viu
      Last update: 09:00 08.10.2019
      09:00 08.10.2019

      Armas geniais que o mundo ainda não viu

      Durante uma coletiva de imprensa na Casa Branca, Donald Trump se gabou a jornalistas de armamentos "geniais" que estão em desenvolvimento no país.

    • Fazendo Trump saltar do cargo
      Last update: 13:22 01.10.2019
      13:22 01.10.2019

      Fazendo Trump saltar do cargo

      Especialistas norte-americanos acreditam que a pressão de Donald Trump à Ucrânia para abertura de investigação contra seu opositor político Joe Biden corresponda razão séria para impeachment.