18:44 17 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Charges

    Desviando bloqueio por caminho seguro

    Charges
    URL curta
    6291
    Nos siga no

    O governo da Venezuela ordenou que diretores de umas 50 empresas locais abrissem suas contas nos bancos da Rússia, Turquia, China e Índia, e começassem a desenvolver contatos com fornecedores destes países, segundo a agência Bloomberg.

    Desviando bloqueio por caminho seguro

    Segundo fontes da edição, as autoridades venezuelanas prometeram organizar seminários para gerentes-executivos das empresas, especializadas em bens de consumo, para explicar como abrir contas em bancos estrangeiros.

    Mais:

    Para Rússia, Venezuela pode ser uma 'versão econômica' da Síria
    Líder chavista a EUA: conseguirão entrar na Venezuela, mas não poderão sair
    Tags:
    negócio, empresas, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar

    Mais charges

    • Alemanha acumula cerveja no afeganistão
      Last update: 12:35 08.06.2021
      12:35 08.06.2021

      Alemães no Afeganistão: um mar de cerveja

      Após proibição de consumo de bebidas alcoólicas a seus soldados, Defesa da Alemanha fica sem saber o que fazer com 22,6 mil litros de bebidas alcoólicas no Afeganistão.

    • Dinamarca orelhão
      Last update: 08:46 31.05.2021
      08:46 31.05.2021

      Dinamarca: o orelhão dos EUA na Europa

      De acordo com investigação da própria Dinamarca, o país facilitou aos EUA acesso aos seus sistemas de comunicações para que Washington espionassem líderes europeus.

    • Roda roda no afeganistão
      Last update: 10:52 28.04.2021
      10:52 28.04.2021

      Tá vindo ou tá indo?

      Enquanto os Estados Unidos procedem com o plano de retirada de soldados do Afeganistão, é planejado o envio de 650 militares norte-americanos para proteger a saída.

    • Torrar dinheiro
      Last update: 13:14 22.04.2021
      13:14 22.04.2021

      Torrando bilhões de dólares em vão

      Enquanto a OTAN prepara-se para retirar plenamente suas tropas do Afeganistão, a chancelaria russa disse que a campanha no país foi "sem glória".