05:17 18 Fevereiro 2019
Ouvir Rádio
    Charges

    Malfeitor se passando por bonzinho

    Charges
    URL curta
    0 92

    O Serviço Federal de Segurança (FSB) russo detectou e neutralizou a atividade de uma célula terrorista controlada a partir da Síria que coletava e enviava dinheiro ao Daesh.

    Malfeitor se passando por bonzinho

    Os agentes desmantelaram uma "organização de caridade" que, na verdade, era composta por radicais, e prestava apoio financeiro aos militantes do Daesh (organização terrorista proibida em vários países, incluindo na Rússia), comunicou o Centro de Imprensa da entidade.

    No decurso da operação foram estabelecidos o esquema e o mecanismo de financiamento de membros da organização terrorista no valor total de 10 milhões de rublos (R$ 566,3 mil).

    Mais:

    MRE russo: EUA tentam esconder informação real sobre quem patrocina Daesh no Afeganistão
    Daily Mail revela plano de terroristas do Daesh para assassinar Kate Middleton
    Pompeo: tropas dos EUA serão retiradas da Síria, mas continuarão combatendo Daesh
    Tags:
    caridade, organização, radicais, células terroristas, Daesh, Serviço Federal de Segurança (FSB), Síria, Rússia

    Mais charges

    • Bloco de notas e caneta são o novo bicho-papão
      Last update: 12:34 15.02.2019
      12:34 15.02.2019

      Bloco de notas e caneta são o novo bicho-papão

      O assessor de Segurança Nacional da Casa Branca, John Bolton, escreveu no Twitter que "os que conspiram com Maduro para destruir instituições democráticas da Venezuela, vão continuar lidando com consequências".

    • Golpe vs. legitimidade
      Last update: 11:48 14.02.2019
      11:48 14.02.2019

      Golpe vs. legitimidade

      Os EUA instigam abertamente as Forças Armadas da Venezuela à rebelião, afirmou nesta quinta-feira (14), a representante oficial do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova.

    • Quão profundo ainda dá para cavar?
      Last update: 14:14 13.02.2019
      14:14 13.02.2019

      Quão profundo ainda dá para cavar?

      A dívida estatal dos EUA superou pela primeira vez na história US$ 22 trilhões, de acordo com o Departamento do Tesouro dos Estados Unidos.

    • Quando provas são nulas e vontade de acusar é infinita
      Last update: 10:19 12.02.2019
      10:19 12.02.2019

      Quando provas são nulas e vontade de acusar é infinita

      Os Estados Unidos não forneceram nenhuma prova da violação russa do Tratado INF, de acordo com o Ministério das Relações Exteriores da Rússia.