10:42 23 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Charges

    S-400 não saem da cabeça dos americanos

    Charges
    URL curta
    51311
    Nos siga no

    Na quinta-feira (20), Estados Unidos sancionaram funcionários do Ministério da Defesa chinês por causa de acordos para compra de armas da Rússia.

    S-400 não saem da cabeça dos americanos

    Segundo um representante da Casa Branca, as restrições foram incentivadas pela aquisição da China de caças Su-35 russos em dezembro do ano passado e de sistemas de defesa antiaérea S-400 em janeiro de 2018.

    Pequim, por sua vez, qualificou as sanções de Washington como violação grave dos princípios das relações internacionais.

    Mais:

    EUA adotam sanções contra China pela compra de armamentos russos
    Que influência terão sanções americanas na cooperação entre Pequim e Moscou?
    Moscou sobre últimas sanções dos EUA: 'Brincar com fogo pode ser perigoso'
    Tags:
    compra, armas, sanções, Su-35, S-400, Ministério da Defesa da China, China, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar

    Mais charges

    • 'Direito internacional' à americana
      Last update: 12:05 21.01.2020
      12:05 21.01.2020

      'Direito internacional' à americana

      EUA estão trabalhando na mudança de poder na Venezuela, declarou Mike Pompeo.

    • Apagando Oriente Médio com fogo da OTAN
      Last update: 13:12 10.01.2020
      13:12 10.01.2020

      Apagando Oriente Médio com fogo da OTAN

      Donald Trump declarou que a OTAN deve aumentar sua presença no Oriente Médio, especialmente agora, em meio às tensões com o Irã.

    • Sputnik deseja um Feliz 2020!
      Last update: 11:00 31.12.2019
      11:00 31.12.2019

      Sputnik deseja um Feliz 2020!

      A equipe da Sputnik Brasil deseja um ótimo Ano Novo para todos nossos leitores e agradece por estarem com a gente durante todo o ano passado!

    • Queda do Brasil do 'berço' China-EUA.
      Last update: 11:59 26.12.2019
      11:59 26.12.2019

      Queda do Brasil do 'berço' China-EUA

      Apesar do acordo comercial entre a China e os EUA poder contribuir para a normalização da economia mundial, o Brasil é que pode sofrer com esta aliança.