01:36 24 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Charges

    Trump acredita que no joquempô cachorro bate dragão?

    Charges
    URL curta
    250
    Nos siga no

    O porta-voz do Ministério do Comércio chinês, Gao Feng, afirmou que ao ameaçarem introduzir tarifas aumentadas contra a China e outros parceiros, os EUA recorrem desta maneira ao "terror psicológico".

    Trump acredita que no joquempô cachorro bate dragão?

    Segundo Gao Feng, "esse terror psicológico no comércio, realizado por meio de tarifas alfandegárias, não tem nada a ver com a realidade".

    O alto funcionário chinês opinou que com tais tarifas os EUA afetarão tanto o mundo inteiro como eles próprios, mas acrescentou que Pequim não desistirá perante ameaças e continuará defendendo o comércio livre.

    Mais:

    China: novas tarifas dos EUA são 'terror psicológico'
    Afinal, guerra comercial entre EUA e China será boa ou ruim para o Brasil?
    Tags:
    terror, pressão, comércio, tarifas, China, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar

    Mais charges

    • 'Direito internacional' à americana
      Last update: 12:05 21.01.2020
      12:05 21.01.2020

      'Direito internacional' à americana

      EUA estão trabalhando na mudança de poder na Venezuela, declarou Mike Pompeo.

    • Apagando Oriente Médio com fogo da OTAN
      Last update: 13:12 10.01.2020
      13:12 10.01.2020

      Apagando Oriente Médio com fogo da OTAN

      Donald Trump declarou que a OTAN deve aumentar sua presença no Oriente Médio, especialmente agora, em meio às tensões com o Irã.

    • Sputnik deseja um Feliz 2020!
      Last update: 11:00 31.12.2019
      11:00 31.12.2019

      Sputnik deseja um Feliz 2020!

      A equipe da Sputnik Brasil deseja um ótimo Ano Novo para todos nossos leitores e agradece por estarem com a gente durante todo o ano passado!

    • Queda do Brasil do 'berço' China-EUA.
      Last update: 11:59 26.12.2019
      11:59 26.12.2019

      Queda do Brasil do 'berço' China-EUA

      Apesar do acordo comercial entre a China e os EUA poder contribuir para a normalização da economia mundial, o Brasil é que pode sofrer com esta aliança.