15:14 18 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Charges

    Irã, olhe por onde anda! EUA e Israel estão atrás de você

    Charges
    URL curta
    51114

    A mídia israelense informou que representantes do setor de defesa e segurança israelenses tiveram um encontro secreto com seus homólogos norte-americanos, que resultou em um acordo que visa conter o Irã.

    Irã, olhe por onde anda! EUA e Israel estão atrás de você

    O documento prevê criação de quatro grupos de trabalho que se dedicarão a suspensão dos programas nuclear e de mísseis iranianos e limitação de sua presença na Síria e Líbano.

    Mais:

    Israel e Estados Unidos firmam acordo secreto para conter Irã
    Exército e forças apoiadas pelo Irã avançam sobre rebeldes na fronteira com Israel
    Tags:
    contenção, acordo secreto, Irã, Israel, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar

    Mais charges

    • Desculpa, não podemos ficar juntos
      Last update: 11:03 18.07.2019
      11:03 18.07.2019

      Desculpa, não podemos ficar juntos

      Na quarta-feira (17), Washington declarou que excluía a Turquia do programa F-35 devido aos fornecimentos de sistemas russos S-400 para Ancara.

    • Brinquedos perigosos dos EUA
      Last update: 11:29 17.07.2019
      11:29 17.07.2019

      Brinquedos perigosos dos EUA

      Relatório do comitê da Assembleia Parlamentar da OTAN revelou por descuido os lugares onde são guardadas as armas nucleares dos EUA.

    • Quando se inventam ameaças demais
      Last update: 12:39 16.07.2019
      12:39 16.07.2019

      Quando se inventam ameaças demais

      A Rússia continua se armando com mísseis "proibidos" e está se preparando para guerras na Europa, diz mídia alemã.

    • Quando já cansou de explicar sua ausência na Lua
      Last update: 11:15 15.07.2019
      11:15 15.07.2019

      Quando já cansou de explicar sua ausência na Lua

      Segundo o administrador da NASA, Jim Bridenstine, os EUA suspenderam o programa espacial lunar e não pousaram em Marte devido ao "risco político", especificando que se trata da falta de financiamento.