09:20 04 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Charges

    Macron acha que a melhor defesa é o ataque, mas não tem 'armas'

    Charges
    URL curta
    228
    Nos siga no

    A editora-chefe do canal de televisão RT e da agência Sputnik Margarita Simonyan desmentiu as acusações do presidente francês Emmanuel Macron sobre falsificações publicadas pela mídia russa.

    Macron acha que a melhor defesa é o ataque, mas não tem 'armas'

    "As provas de mentiras não existem e não podem existir. Tratamos com precisão extrema a informação", sublinhou a editora ao canal Rossiya 1, adicionando que o assessor de imprensa não conseguiu dar nenhum exemplo das alegadas falsificações publicadas pela mídia russa.

    Durante a coletiva de imprensa com o presidente russo Vladimir Putin, Macron disse que jornalistas do RT e da Sputnik não foram admitidos à sede da equipe eleitoral por "divulgarem informações falsas".

    Tags:
    França, Rússia, Vladimir Putin, Emmanuel Macron, Margarita Simonyan
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar

    Mais charges

    • Míssil dos EUA
      Last update: 11:53 02.08.2021
      11:53 02.08.2021

      Opa, falhou de novo!

      Protótipo de míssil hipersônico AGM-183A falha em teste da Força Aérea dos EUA pela segunda vez após ser lançado de bombardeiro B-52H.

    • Vamos, pule!
      Last update: 12:04 29.07.2021
      12:04 29.07.2021

      Quando a fera manda no domador

      Em encontro com militares chineses, o ministro da Defesa russo associou o comportamento dos EUA no Afeganistão ao de um mau domador de circo.

    • Charge Afeganistão
      Last update: 12:48 28.07.2021
      12:48 28.07.2021

      EUA, limpem seu rastro!

      Representante oficial do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, conclamou os EUA a removerem seu rastro no Iraque, Líbia, Afeganistão e Síria.

    • EUA bombardeando no Afeganistão
      Last update: 11:42 26.07.2021
      11:42 26.07.2021

      Afeganistão: uma guerra que não acaba

      Apesar de estarem retirando suas tropas do Afeganistão, EUA anunciam que vão continuar bombardeando o Talibã (organização terrorista proibida na Rússia e em outros países).