12:07 07 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Charges

    Somos opostos, mas somos amantes

    Charges
    URL curta
    323
    Nos siga no

    Uma funcionária do FBI, que participava da investigação contra um militante do grupo terrorista Daesh, viajou para a Síria e se casou com o terrorista. Posteriormente, ela voltou para os EUA, onde foi presa.

    Somos opostos, mas somos amantes

    Segundo o canal CNN, o marido da funcionária, Denis Cuspert, era um rapper na Alemanha e se juntou ao grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia) em 2012. Ele era propagandista e recrutador do grupo, tendo repetidamente aparecido em vídeos do Daesh e uma vez até com uma cabeça decepada em suas mãos.

    Tags:
    casamento, Daesh, FBI, Síria, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar

    Mais charges

    • Quando solução é simples
      Last update: 12:57 03.12.2019
      12:57 03.12.2019

      Quando solução é simples

      De acordo com analista, entrevistado pela Sputnik, a Aliança Atlântica não satisfaz mais necessidades da Turquia na área de segurança.

    • Sempre cabe mais um no Ártico para OTAN
      Last update: 11:43 29.11.2019
      11:43 29.11.2019

      Sempre cabe mais um no Ártico para OTAN

      Diplomata russo declarou em entrevista à Sputnik que a atividade militar da OTAN no Ártico, em que a aliança envolve países afastados da região, intensifica as tensões político-militares.

    • Liberdade imaginária
      Last update: 13:03 21.11.2019
      13:03 21.11.2019

      Liberdade imaginária

      Modelo de negócios do Google e Facebook ameaça os direitos humanos, declarou a ONG Anistia Internacional.

    • Bolsonaro cortando Amazônia mais do que devia
      Last update: 12:41 20.11.2019
      12:41 20.11.2019

      Bolsonaro cortando Amazônia mais do que devia

      Segundo especialista ouvida pela Sputnik, a política do governo do Brasil no campo do meio ambiente pode explicar o maciço desmatamento da Amazônia.