01:32 23 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    2498
    Nos siga no

    Crítico da urna eletrônica e defensor do voto impresso, o presidente da República tem ensaiado uma mudança de discurso em relação à lisura das eleições.

    O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou na quarta-feira (6) que as Forças Armadas vão participar de todo o processo de organização das eleições de 2022 e conferência da segurança das urnas eletrônicas.

    "As Forças Armadas vão participar, assim como outras instituições. Elas vão acompanhar todo o processo", disse o presidente a apoiadores na frente do Palácio da Alvorada, citado pelo portal UOL.

    A declaração foi dada em resposta a um bolsonarista que questionou se o presidente considerava positiva a iniciativa do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de criar uma comissão da transparência para o pleito do ano que vem.

    Em vídeo, Bolsonaro faz ataques pessoais contra o ministro do STF Luís Roberto Barroso, no dia 9 de abril de 2021
    Em vídeo, Bolsonaro faz ataques pessoais contra o ministro do STF Luís Roberto Barroso, no dia 9 de abril de 2021
    Crítico da urna eletrônica e defensor do voto impresso, o presidente da República tem ensaiado uma mudança de discurso em relação à lisura das eleições. Em entrevista à revista Veja, Bolsonaro afirmou: "Com as Forças Armadas participando, você não tem por que duvidar do voto eletrônico. As Forças Armadas vão empenhar seu nome, não tem por que duvidar. Eu até elogio o Barroso, no tocante a essa ideia", afirmou.

    Luís Roberto Barroso, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do TSE, já foi bastante criticado por Bolsonaro, contudo, há um mês Bolsonaro não ataque o TSE ou o STF.

    Movimentação ocorreu após as manifestações no 7 de setembro. Desde então, Bolsonaro divulgou uma carta à nação e recuou em ataques contra as instituições.

    Mais:

    Reino Unido contesta versão de Bolsonaro de que Johnson buscou acordo emergencial de alimentos
    Após dizer na ONU não existir corrupção em seu governo, Bolsonaro admite 'problemas em ministérios'
    Bolsonaro sanciona lei que flexibiliza regras para candidatos com contas rejeitadas durante mandato
    Protestos contra Bolsonaro: manifestações decorrem em mais de 200 cidades do país (FOTOS, VÍDEO)
    Tags:
    eleição, eleição, eleições, eleições, eleições, Bolsonaro, Jair Bolsonaro, Forças Armadas, Forças Armadas do Brasil, urnas, urnas eletrônicas, Luís Roberto Barroso
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar