21:43 23 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    248
    Nos siga no

    Se aprovado pelo Congresso, o aumento de 6,2%, que corresponderá a R$ 69, começará a valer em janeiro. Segundo governo, não está previsto aumento real acima da inflação.

    Nesta terça-feira (31), o governo federal enviou ao Congresso Nacional a proposta para novo valor do salário mínimo ainda em 2022, que passaria de R$ 1.100 para R$ 1.169, ou seja, um aumento de 6,2%, segundo o G1.

    O valor consta no projeto da Lei Orçamentária Anual divulgado pelo Ministério da Economia hoje (31), e a porcentagem de aumento é a previsão da pasta para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) deste ano, feita no mês de julho.

    Com essa previsão, não é esperado aumento real acima da inflação, segundo a mídia.

    De acordo com informações do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), o salário mínimo serve de referência para 50 milhões de pessoas no Brasil, das quais 24 milhões de beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

    A Constituição determina que o salário mínimo tem de ser corrigido, ao menos, pela variação do INPC do ano anterior.

    Porém, em 2021, o salário mínimo de R$ 1.100 não repôs a inflação do ano passado. A correção aplicada pelo governo foi de 5,26%, mas a inflação medida pelo INPC somou 5,45% em 2020. 

    Mais:

    Governo Bolsonaro estipula salário mínimo de R$ 1.147 para 2022, sem aumento acima da inflação
    'Temos um problema de inflação? Temos', admite Bolsonaro
    Inflação no Brasil atinge 8% nos últimos 12 meses, com maior alta mensal em 25 anos, revela IBGE
    Tags:
    salário mínimo, inflação, dinheiro, real
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar