20:13 02 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil contra coronavírus no final de junho de 2021 (27)
    11615
    Nos siga no

    O presidente Jair Bolsonaro disse, nesta segunda-feira (28), que não sabe dos devidos procedimentos dos ministérios envolvidos na compra da vacina Covaxin.

    A compra pelo governo federal de doses da vacina indiana Covaxin se tornou o principal assunto da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da COVID-19 nos últimos dias.

    Tudo começou quando o servidor do Ministério da Saúde e ex-chefe do setor de importação, Luis Claudio Miranda, disse que identificou suspeitas de irregularidades na compra. Entre tais suspeitas, Miranda apontou o preço superior ao valor acordado, número de doses menor que o acordado, e um documento em nome da empresa Madison, com sede em Cingapura, considerando que a fabricante da Covaxin que consta no contrato é a Barath Biotech, informa o portal G1.

    Assim, Luis Claudio Miranda informou ter recusado assinar um documento - espécie de nota fiscal internacional - da compra da Covaxin, devido às suspeitas das irregularidades mencionadas.

    Junto com seu irmão, o deputado federal Luis Ricardo Miranda (DEM-DF), afirmaram que teriam alertado o presidente brasileiro, em reunião no dia 20 de março de 2021, sobre as suspeitas.

    Nesta segunda-feira (28), ao sair do Palácio da Alvorada, Bolsonaro disse a seus apoiadores que tem "confiança nos ministros" e não sabe de tudo o que acontece entre eles.

    "Então, eu não tenho como saber o que acontece nos ministérios, vou na confiança em cima de ministros e nada fizemos de errado", completou Bolsonaro, citado pela mídia brasileira.

    Senadores da CPI se dirigiram ao Supremo Tribunal Federal (STF) ainda esta tarde para apresentar uma notícia-crime contra Jair Bolsonaro.

    Tema:
    Brasil contra coronavírus no final de junho de 2021 (27)

    Mais:

    Helicóptero da Marinha do Brasil atinge ex-corveta com míssil durante Operação Missilex 2021 (VÍDEO)
    Sem máscara, Bolsonaro participa de motociata e ataca CPI: 'Não vão ganhar inventando narrativas'
    Taxação de dividendos e aumento da isenção do IR: são medidas justas para economia do Brasil?
    Tags:
    Brasil, Jair Bolsonaro, saúde, COVID-19, vacina
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar