03:31 03 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    0 193
    Nos siga no

    No dia 24 de junho, a Marinha do Brasil, durante o encerramento da Operação Missilex 2021, conduziu com sucesso o primeiro lançamento do míssil ar-superfície AM39 B2M2 Exocet contra o casco da ex-corveta Jaceguaí.

    O míssil AM39 foi lançado de um helicóptero AH-15B (H225M ASuW) Super Cougar, validando o novo míssil, bem como o console de sistema tático de missão.

    Durante a Operação Missilex, o míssil atingiu com sucesso a proa da ex-corveta Jaceguaí, provocando extensos danos.

    A aeronave AH-15B está equipada com uma suíte de sensores e tecnologias que superam o próprio valor de aquisição do helicóptero padrão. Além disso, o helicóptero utiliza o Sistema Tático de Missão Naval (TDMS, na sigla em inglês), que é o coração da integração do míssil Exocet com a aeronave e sensores.

    O TDMS permite ao piloto estabelecer e avaliar na cabine a situação tático-operacional complexa, em coordenação com um operador no console tático na cabine do helicóptero, e autorizar o lançamento do míssil AM39 nas melhores condições, segundo o portal Naval.

    O Super Cougar também conta com modernos sensores integrados, que provêm a detecção de emissões radares e lançamentos de mísseis inimigos, elevando a capacidade de sobrevivência da aeronave.

    Mais:

    Marinha do Brasil recebe novas plataformas de manutenção para helicópteros Super Cougar
    Submarino Humaitá é decisão acertada da Marinha do Brasil, opina analista
    Marinha do Brasil e Guarda Costeira dos EUA conduzem exercício de passagem no RJ (VÍDEO)
    Tags:
    helicóptero, helicópteros, Marinha do Brasil, míssil, exercícios militares, exercícios táticos, exercícios navais
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar