18:45 02 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    185
    Nos siga no

    Anúncio da ida para o PSB foi feito nesta sexta-feira (18), dias após sua desfiliação do PCdoB, partido onde ficou por 15 anos. Cerimônia de filiação será na terça-feira (22), junto com o deputado federal Marcelo Freixo (RJ).

    O governador do Maranhão, Flávio Dino, anunciou que pediu filiação ao PSB dias após a sua saída do PCdoB, partido onde ficou por 15 anos. Dino afirma que dois fatores o levaram a sair da antiga legenda e um deles foi para juntar forças contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

    "Um de ordem legal, pois temos um novo regime jurídico dos partidos no Brasil que conduzirá a uma redução do número de partidos, por isso, a necessidade da formação de frentes. Além disso, tem o vetor político e eu considero que a eleição do ano que vem é a mais grave e considero que é vital aglutinar a maior quantidade de forças possíveis para derrotar ele [Bolsonaro] eleitoralmente e considero que o PSB pode ser o polo de organização para ajudar nisso", disse o governador do Maranhão, citado pelo portal UOL.

    Com a ida para o PSB, o partido terá agora três governadores. Além de Dino, Paulo Câmara, de Pernambuco, e Renato Casagrande, do Espírito Santo. A filiação de Dino será realizada na terça-feira (22), junto com o deputado federal Marcelo Freixo (RJ).

    ​O governador do Maranhão Dino afirmou ainda que acha difícil "caber" algum candidato de centro nas eleições presidenciais do ano que vem. "Nós temos dois sóis, um sol mais progressista que é o Lula, uma figura que organiza e coordena. E do outro lado, na extrema-direita, outro sol que polariza com um governo desastroso […]. Caber alguém no meio é bem difícil, eu particularmente torço para que esta terceira via, de centro, se organize."

    Dino revelou por fim que deseja ser senador: "Eu me vejo como senador, considero que é de grande importância".

    Juiz e presidente do Embratur

    Flávio Dino tem 53 anos e foi filiado ao PT de 1987 a 1994. Formou-se bacharel em Direito pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e exerceu o cargo de juiz federal por 15 anos, tendo abandonado a carreira em 2006 para ingressar na vida política.

    Filiou-se ao PCdoB em 2006. Em 2011, assumiu a presidência do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur). Flávio Dino foi eleito governador do Maranhão em 2014, sendo o primeiro filiado do PCdoB a governar um Estado.

    Mais:

    Bolsonaro sobre passaporte de vacinação: 'Se for aprovado, eu veto'
    'A gente não sabe o que está acontecendo', diz Mourão após Bolsonaro o excluir de reunião
    Brasil obtém 'reconhecimento' mundial regressando ao Conselho de Segurança da ONU, diz Bolsonaro
    Flávio Bolsonaro discute com Witzel na CPI da Covid e ex-governador deixa a sessão (VÍDEO)
    Tags:
    Marcelo Freixo, Luiz Inácio Lula da Silva, governo bolsonaro, Jair Bolsonaro, PSB, PCdoB
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar