18:59 12 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    163
    Nos siga no

    A Receita Federal do Brasil registrou uma arrecadação recorde de R$ 138 bilhões em março deste ano. O valor, corrigido pela inflação, é 18,5% maior que o do mesmo mês de 2020.

    O resultado é o melhor para março nesta série histórica, iniciada em 2000, com todos os números atualizados pela inflação, conforme publicado pela Folha de S.Paulo.

    Com o novo avanço da pandemia no país e a volta do fechamento do comércio e outras atividades em várias cidades, o Ministério da Economia esperava um impacto negativo a partir de meados de março.

    Comércio trabalhando no esquema drive thru em Campinas, no interior de São Paulo.
    © Folhapress / Leandro Ferreira /Fotoarena
    Comércio trabalhando no esquema drive thru em Campinas, no interior de São Paulo.

    Segundo a Receita Federal, a melhora do desempenho de indicadores macroeconômicos no mês e o recolhimento com o valor de importações contribuíram para o resultado. Outro fator que também ajudou foi uma arrecadação atípica de R$ 4 bilhões sobre o lucro de empresas, de acordo com o órgão.

    A arrecadação total acumulada no ano agora é de R$ 446 bilhões, com um crescimento de 5,64% em relação a 2020. Os técnicos da Receita informaram que ainda vão detalhar os números.

    Mais:

    Empresário desacredita 'promessa de investimentos' do ministro de Minas e Energia do Brasil
    Impacto global das denúncias de Rússia e China sobre produtos do Brasil preocupa especialistas
    Presidente do Senado oficializa criação da CPI da Pandemia para investigar governo federal
    Tags:
    arrecadação, dinheiro, recorde, Receita Federal, economia, Brasil, Ministério da Economia do Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar