03:47 19 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Situação da COVID-19 em meados de abril no Brasil (74)
    0 30
    Nos siga no

    A cidade do Rio de Janeiro corre o risco de ter que interromper, a partir desta quinta-feira (15), a aplicação da primeira dose da vacina contra a COVID-19 por falta de doses.

    A informação foi revelada pelo secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, ao Blog do Edimilson Ávila, do portal G1.

    Segundo o secretário, os estoques de imunizantes na capital se esgotarão ao fim da vacinação desta quarta-feira (14).

    Soranz explicou ao portal que a prefeitura tinha a expectativa de receber uma nova remessa de doses da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) nesta quarta-feira (14). Mas o órgão não chegou a confirmar se seria possível realizar a entrega neste prazo.

    Vacinação de idosos no Rio, 18 de março de 2021
    © REUTERS / Ricardo Moraes
    Vacinação de idosos no Rio, 18 de março de 2021

    A campanha de vacinação no Rio já foi interrompida duas vezes por falta de doses: uma em fevereiro, durante o feriado do Carnaval, e outra em março.

    Em todo o estado do Rio de Janeiro, 1.710.764 de pessoas já foram vacinadas com a primeira dose até a última terça-feira (13). O número representa 9,85% da população fluminense. Além disso, 470.832 receberam a segunda aplicação (2,71% do total).

    Tema:
    Situação da COVID-19 em meados de abril no Brasil (74)

    Mais:

    Brasil tem 1,5 milhão de pessoas com a 2ª dose da vacina contra a COVID-19 atrasada
    Centro Gamaleya russo pode ajudar outros fabricantes com tecnologia que minimiza risco das vacinas
    Dinamarca abandona o uso da vacina AstraZeneca
    Tags:
    COVID-19, novo coronavírus, pandemia, Rio de Janeiro, vacina, vacinação, prefeitura, imunização, imunizante
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar