21:14 14 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Situação da COVID-19 em meados de abril no Brasil (74)
    4240
    Nos siga no

    A cidade de Niterói, no Rio de Janeiro, divulgou um calendário na noite desta segunda-feira (12) anunciando que imunizaria a população do município com a Sputnik V.

    Enquanto a Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) inspeciona a produção da Sputnik V na Rússia, a prefeitura de Niterói anunciou na noite de ontem (12) informações sobre a vacinação com o imunizante russo.

    De acordo com uma publicação nas redes sociais, a cidade planeja vacinar toda a população até novembro, apesar do imunizante não ter sido aprovado pela Anvisa.

    A prefeitura ainda sustenta que a expectativa é que em maio cheguem os primeiros lotes das novas vacinas.

    "A expectativa é de que em maio chegue o primeiro lote com 25 mil vacinas. Depois, chegarão mais 75 mil, e do terceiro lote em diante serão mais 130 mil vacinas. Desta forma, em novembro completaremos as 800 mil vacinas", informa a publicação.

    ​Vale lembrar que Maricá, cidade vizinha de Niterói, também fechou um contrato de compra de 500 mil doses da Sputnik V. Após ter o pedido de importação negado, a cidade recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para garantir o aval de compra da vacina.

    Ainda nesta terça-feira (13), o ministro Ricardo Lewandowski, do STF, determinou que a Anvisa deve decidir até o fim deste mês sobre a "importação excepcional e temporária" de doses da vacina Sputnik V contra a COVID-19.

    Em decisão favorável ao estado do Maranhão, ele enfatizou que ainda que a Anvisa não tenha tomado uma decisão sobre a Sputnik V, o STF permitirá a importação das vacinas. O entendimento poderia se estender também à cidade de Maricá.

    Homens carregam caixa com vacina contra a COVID-19 em Niterói (RJ), 22 de fevereiro de 2021
    © AP Photo / Silvia Izquierdo
    Homens carregam caixa com vacina contra a COVID-19 em Niterói (RJ), 22 de fevereiro de 2021

    Tema:
    Situação da COVID-19 em meados de abril no Brasil (74)

    Mais:

    EUA estariam 'irritados' com planos de Berlim de comprar Sputnik V citando sanções anti-russas
    Entregas da Sputnik V na Turquia podem ter início em até 4 meses, diz ministro
    Índia se torna o 60º país a aprovar a vacina Sputnik V contra a COVID-19
    Tags:
    imunização, vacinação, Niterói, Sputnik V, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar