20:31 12 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    COVID-19 no final de março de 2021 no Brasil (116)
    1141
    Nos siga no

    A ex-presidente Dilma Rousseff recebeu a primeira dose da vacina contra o novo coronavírus nesta segunda-feira (22) em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

    Dilma foi vacinada por volta das 12h50 no posto de atendimento drive-thru e recebeu uma dose do imunizante CoronaVac, fabricado no Brasil pelo Instituto Butantan. A aplicação da segunda dose está prevista para ocorrer entre 14 e 28 dias.

    ​No dia 13 de março, o padrinho político de Dilma, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, também foi vacinado com a CoronaVac em São Bernardo do Campo, em São Paulo.

    O último balanço da vacinação contra a COVID-19 no Brasil, divulgado neste domingo (21) pelo consórcio dos veículos de imprensa, mostra que 11.805.991 pessoas já receberam a primeira dose do imunizante contra o novo coronavírus no Brasil. O número representa 5,58% da população do país.

    A segunda dose já foi aplicada em 4.160.093 pessoas (1,96% da população do país) em todos os estados e no Distrito Federal. No total, 15.966.084 doses foram aplicadas em todo o Brasil.

    Tema:
    COVID-19 no final de março de 2021 no Brasil (116)

    Mais:

    Entre Lula e Bolsonaro, presidente do PSDB diz que preferiria levar tiro
    Lula pede ajuda a Macron e chama Bolsonaro de 'genocida' em entrevista
    Bolsonaro comemora 66 anos com aglomeração e críticas a prefeitos e governadores (VÍDEO)
    Dia da Água: no semiárido brasileiro, programa de cisternas enfrenta corte de recursos (VÍDEO)
    Pesquisa aponta que 67% dos brasileiros acreditam que corrupção vai aumentar no país
    Tags:
    Porto Alegre, imunizante, imunização, Vacina CoronaVac, vacinação, vacina, novo coronavírus, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar