23:21 17 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Situação com coronavírus no Brasil em meados de março de 2021 (116)
    8714
    Nos siga no

    Em meio às notícias de que se demitiu alegando motivos de saúde, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse que não está doente e que o presidente Jair Bolsonaro não pediu sua saída.

    Segundo o jornal O Globo, o general Pazuello teria pedido demissão da pasta, informação que depois foi confirmada por outros veículos. 

    O presidente Jair Bolsonaro já teria inclusive se reunido, no Palácio do Planalto, com possível substituta para o cargo, a cardiologista Ludhmila Hajjar, que é crítica da gestão da pandemia pelo governo.

    No entanto, por meio de sua assessoria de imprensa, Eduardo Pazuello disse neste domingo (14) que continuava à frente do Ministério da Saúde. Ao mesmo tempo, afirmou que entregará o cargo se Bolsonaro pedir. 

    "Não estou doente, o presidente não pediu o meu cargo, mas o entregarei assim que o presidente pedir. Sigo como ministro da saúde no combate ao coronavírus e salvando mais vidas", disse Pazuello, segundo o portal G1. 

    Acordo com Pfizer

    O Ministério da Saúde confirmou para segunda-feira (15) a realização de uma entrevista coletiva, na qual deve anunciar a conclusão de acordo para compra das vacinas da Pfizer e da Janssen. Em comunicado enviado à imprensa, a pasta também afirmou que Pazuello segue no cargo e se encontra em "perfeito estado de saúde". 

    Pazuello vem sendo criticado pela condução da pandemia no Brasil e o ritmo lento da vacinação. O nome de Hajjar é defendido por políticos do centrão e pelo presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL).

    Tema:
    Situação com coronavírus no Brasil em meados de março de 2021 (116)

    Mais:

    AstraZeneca não encontra evidências que mostrem risco de coágulos sanguíneos com sua vacina
    Escolhida para estudo, Serrana (SP) encerra 1ª fase de vacinação em massa com 92,1% de imunizados
    Cidades brasileiras têm protestos de bolsonaristas contra isolamento e autoridades locais (VÍDEOS)
    Tags:
    Eduardo Pazuello, vacinação, Arthur Lira, Jair Bolsonaro, COVID-19, pandemia, novo coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar