21:13 20 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Coronavírus no Brasil no início de março de 2021 (92)
    0 41
    Nos siga no

    Presidente do Senado e da Câmara dos Deputados desejam atualizações sobre o processo de imunização após o novo acordo do governo com a Pfizer e a retomada de medidas de isolamento no país.

    Os presidentes do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), e da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), pediram ao ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, novas informações sobre o calendário de vacinação contra a COVID-19 no Brasil. Os chefes do Legislativo querem ter atualizações em até 24 horas.

    Em ofício em "caráter de urgência", eles questionam Pazuello tanto sobre o processo de imunização como a produção de vacinas no país.

    O pedido ocorre após as novas medidas de isolamento decretadas por estados e municípios e o novo acordo do governo federal para adquirir vacinas da Pfizer.

    "Considerando a urgência que nos impõe a pandemia ocasionada pela disseminação do vírus SARS-CoV-2 e a crescente taxa de óbitos por dia em decorrência da COVID-19, solicitamos a presteza de V. Exa. no sentido de encaminhar as informações acima requeridas no prazo de 24 horas, a fim de que as Casas do Congresso Nacional possam adotar as providências cabíveis no combate à pandemia", diz o ofício de Pacheco e Lira ao ministro da Saúde, conforme publicado pelo Estadão.
    Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), em sessão no Congresso Nacional, Brasília, 3 de fevereiro de 2021
    © AFP 2021 / Sergio Lima
    Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), em sessão no Congresso Nacional, Brasília, 3 de fevereiro de 2021

    Nesta segunda-feira (8), a média móvel de mortes por COVID-19 dos últimos sete dias chegou a 1.540, um novo recorde de óbitos em uma semana desde o início da pandemia.

    No total, o país já tem 266.646 mortes e 11.058.490 de pessoas diagnosticadas com a doença, de acordo com levantamento do consórcio de veículos de imprensa com base em dados das secretarias estaduais de Saúde.

    Tema:
    Coronavírus no Brasil no início de março de 2021 (92)

    Mais:

    Medicamentos contra COVID-19: médico compara soro do Butantan com spray israelense
    Brasil rejeita iniciativa de 95 países para proteger imigrantes em meio à pandemia
    UE 'não tem nada a oferecer': Europa perdeu corrida das vacinas contra COVID-19, diz mídia francesa
    Tags:
    COVID-19, novo coronavírus, pandemia, Eduardo Pazuello, Ministério da Saúde, vacina, vacinação, Congresso Nacional, Senado Federal, Câmara dos Deputados, Arthur Lira, Rodrigo Pacheco
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar