23:34 06 Março 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    11019
    Nos siga no

    A defesa do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ), preso após publicar vídeo com ofensas a ministros do Supremo, disse que detenção era "capítulo nefasto da história do Brasil". 

    Além disso, André Rios, advogado do parlamentar, afirmou que a prisão era "ilegal" e contra o "ordenamento jurídico" brasileiro. 

    Silveira foi detido na noite de terça-feira (16) após a publicação de vídeo em que diz desejar que Edson Fachin, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), levasse uma "surra". O deputado também ofende outros magistrados da Corte e pede o seu fechamento. O parlamentar já vinha sendo investigado no STF por participação em atos antidemocráticos e publicação de fake news.

    Segundo publicado no jornal O Globo, Rios afirmou ainda que Silveira está "tranquilo" com a situação. O parlamentar espera que a Câmara reverta a decisão tomada pelo STF. A votação na Casa, a princípio, está marcada para esta quarta-feira (17).

    "É uma prisão ilegal ao meu entender, um capítulo nefasto na história do Brasil e no nosso ordenamento jurídico. Espero que dentro de poucas horas a Câmara dos Deputados reveja a decisão. [O STF] Está criando um precedente perigoso", disse o advogado.

    Expulsão do PSL

    A prisão ocorreu por flagrante delito por crime inafiançável e foi determinada de ofício pelo ministro Alexandre de Moraes, como parte do inquérito das fake news. Não houve pedido da Polícia Federal e nem da Procuradoria-Geral da República. 

    O presidente nacional do PSL, o deputado Luciano Bivar (PE), disse nesta quarta-feira (17) que o partido está "tomando todas as medidas jurídicas cabíveis" para a expulsão de Daniel Silveira da legenda.

    Mais:

    Monopólio postal dos Correios: sindicalista e advogado mostram os 2 lados da disputa no STF
    Gilmar Mendes rebate Villas Bôas e defende STF: 'Ditadura nunca mais'
    Partido entra com pedido no STF para suspender decretos de Bolsonaro sobre armas
    Tags:
    Luciano Bivar, PSL, fake news, Alexandre de Moares, Edson Fachin, STF, prisão, Daniel Silveira
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar