07:27 28 Fevereiro 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil contra coronavírus no início de fevereiro de 2021 (64)
    0 40
    Nos siga no

    No total, 331 das 1.664 vítimas no mês no estado (19,9%) tinham menos de 60 anos e não sofriam de doenças crônicas. Em 2020, a taxa foi 9,2%.

    A proporção de mortos por COVID-19 sem nenhum fator de risco dobrou no Amazonas em janeiro e já representa quase 20% do total de vítimas da pandemia no mês, conforme reportagem do jornal Estadão. O sistema de Saúde do estado entrou em colapso com a quantidade de internações e a falta de respiradores para tratar os enfermos depois do surgimento de uma nova variante do vírus.

    Os números foram calculados a partir da base de dados de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) do Ministério da Saúde, cuja versão mais atualizada trazia estatísticas até o dia 25 de janeiro.

    Do total de 1.664 mortos pela COVID-19 no Amazonas em janeiro computados pelo sistema, 331 tinham menos de 60 anos e não sofriam de doenças crônicas.

    O número equivale a 19,9% das vítimas no mês e a mais que o dobro do índice médio do ano passado. Em 2020, 491 (9,2%) não eram idosos nem possuíam comorbidades entre os 5.303 mortos no estado.

    Agente da Saúde se emociona durante colapso no sistema de saúde do estado do Amazonas, no hospital Getúlio Vargas, Manaus, 14 de janeiro de 2021
    © REUTERS / Bruno Kelly
    Agente da Saúde se emociona durante colapso no sistema de saúde do estado do Amazonas, no hospital Getúlio Vargas, Manaus, 14 de janeiro de 2021

    Se comparado com perfil médio de vítimas do Brasil, a diferença é ainda maior. Desde o início da pandemia, apenas 7,3% dos mortos não tinham doenças crônicas nem mais de 60 anos no país. Só com os dados de janeiro, a taxa em todo o território nacional foi de 7,4%.

    Tema:
    Brasil contra coronavírus no início de fevereiro de 2021 (64)

    Mais:

    Epidemiologista: variantes do coronavírus podem aumentar mortes e disseminação da COVID-19
    COVID-19: animais de estimação vão precisar ser vacinados? Cientistas respondem
    Visão nunca será a mesma: descoberta nova complicação grave da COVID-19
    Tags:
    Brasil, saúde, Ministério da Saúde, Manaus, Amazonas, pandemia, novo coronavírus, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar