07:18 21 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    251
    Nos siga no

    A bancada do Partido dos Trabalhadores na Câmara dos Deputados está recolhendo assinaturas para a instauração de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar os altos gastos do governo federal com gêneros alimentícios considerados supérfluos.

    Nesta semana, a sociedade demonstrou indignação com a revelação de que, em meio à crise desencadeada pelo novo coronavírus, o governo gastou mais de R$ 1,8 bilhão em alimentos ao longo do último ano, 20% a mais do que em 2019. E boa parte desses valores se concentraram em produtos dispensáveis, como chicletes, sorvetes, bombom, chantilly e bebida alcoólica.

    Só em leite condensado, conhecido como uma das comidas preferidas do presidente Jair Bolsonaro, foram mais de R$ 15,6 milhões. No entanto, a empresa supostamente responsável pelo fornecimento do item, a Saúde & Vida Comercial de Alimentos Eireli, nega que tenha qualquer contrato com o governo nesse valor para a venda desse produto.

    A fim de apurar os detalhes desses gastos, o deputado federal Helder Salomão (PT-ES) protocolou na Câmara um pedido de instalação da CPI do Leite Condensado. 

    ​"Esses números são absurdos. É preciso instaurar, com urgência, uma CPI para investigar esses gastos", disse o parlamentar, em nota enviada à Sputnik por sua assessoria. "O Brasil está atravessando uma de suas maiores crises. Desemprego altíssimo, cortes de verba para áreas essenciais como saúde e educação, pequenos empreendedores quebrando por falta de suporte do governo, o país de volta ao mapa da fome e o Ministério da Economia apresenta gastos absurdos com compra de chicletes?", indagou.

    Para Salomão, "nada justifica" despesas tão altas com itens "supérfluos". E, "pelos valores que foram divulgados, há indícios de que o custo unitário dos produtos adquiridos foi superior ao praticado no mercado, o que por si só, já enseja a necessidade de rigorosa investigação para apurar se houve ou não superfaturamento".

    "Para o bem da democracia, não pode haver suspeitas, desta natureza, sobre qualquer um dos poderes, em especial sobre o Poder Executivo."

    Mais:

    Brasil volta a ter 14 milhões de famílias na miséria, e economistas afirmam: a situação vai piorar
    COVID-19 se tornará pandemia de fome na América Latina, afirma ONU
    R$ 15 milhões gastos por Bolsonaro em leite condensado rendem memes e revoltam redes sociais
    Tags:
    alimentos, gastos, Câmara dos Deputados, Partido dos Trabalhadores, PT, CPI, deputado, Jair Bolsonaro, leite, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar