02:18 09 Março 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    COVID-19 no Brasil em meados de janeiro de 2021 (97)
    151
    Nos siga no

    Nesta segunda-feira (18), o Rio de Janeiro recebeu as primeiras doses da vacina CoronaVac e deve iniciar a vacinação ainda hoje. Enquanto isso, Goiás se tornou o segundo estado a vacinar cidadãos.

    Após atraso na entrega das doses, o Rio de Janeiro recebeu hoje a primeira carga de vacinas contra a COVID-19. O estado deve receber 487.520 doses, segundo os planos do Ministério da Saúde.

    O avião que entregou as primeiras vacinas ao estado chegou ao aeroporto Santos Dumont com quatro horas de atraso, por volta das 17h00 desta segunda-feira (18). Entre hoje e amanhã, outros dois voos devem chegar ao Rio de Janeiro com mais doses da vacina.

    Mônica Calazans, enfermeira de 54 anos do Instituto Emílio Ribas, em São Paulo, é a primeira vacinada contra a COVID-19 no Brasil
    Mônica Calazans, enfermeira de 54 anos do Instituto Emílio Ribas, em São Paulo, é a primeira vacinada contra a COVID-19 no Brasil

    Conforme publicou o portal G1, o governo carioca confirmou que a vacinação no estado começa ainda hoje. As primeiras pessoas serão vacinadas aos pés do Cristo Redentor.

    No Rio de Janeiro, estado com o maior índice de mortes pela COVID-19 por milhão de habitantes no Brasil, a prioridade no primeiro momento da campanha de imunização será para profissionais de saúde, deficientes e idosos em asilos ou abrigos, além de indígenas e quilombolas.

    Até as 17h00 desta segunda-feira (18), os estados de Goiás, Mato Grosso do Sul, Piauí, Rio de Janeiro e Santa Catarina já haviam recebido doses da vacina.

    Goiás é 2º estado a vacinar e Piauí confirma 1º imunizado

    Nesta segunda-feira (18), o estado de Goiás vacinou sua primeira cidadã, uma idosa moradora de um abrigo. Maria Conceição da Silva, de 76 anos, é hipertensa e foi vacinada pelo governador do estado, Ronaldo Caiado (DEM).

    Já no Piauí, o primeiro vacinado foi o médico obstetra Joaquim Vaz Parente, de 75 anos, que trabalha há mais de quatro décadas na Maternidade Dona Evangelina Rosa e tem mais de 20 mil partos realizados em sua carreira.

    Tema:
    COVID-19 no Brasil em meados de janeiro de 2021 (97)

    Mais:

    Brasil tem 518 mortes em 24h e chega a quase 210 mil óbitos por COVID-19
    COVID-19: proibição de voos para Reino Unido irrita governo português e afeta brasileiros
    'Vacina é para quem não pegou ainda', diz Bolsonaro sobre COVID-19
    Tags:
    Rio de Janeiro, Goiás, Piauí, Vacina CoronaVac, Brasil, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar