19:49 14 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    COVID-19 no Brasil em meados de janeiro de 2021 (97)
    0 10
    Nos siga no

    Neste domingo (17), quando as primeiras pessoas começam a ser vacinadas no país, o Brasil registrou 518 novas mortes por COVID-19 e chegou a um total de 209.868 óbitos causados pela doença.

    Conforme os dados do consórcio dos veículos de imprensa, com informações das secretarias estaduais de saúde, a média móvel diária de mortes no país chegou a 961 óbitos. O número mostra um aumento de 36% em relação às duas últimas semanas, apontando tendência de alta na média de mortes.

    Já os casos confirmados de COVID-19 neste domingo (17) foram 26.400, fazendo o acumulado de diagnósticos chegar a 8.483.105 casos. Com isso, houve uma variação positiva de 53% em relação aos últimos 14 dias, o que aponta tendência de alta nos casos da doença.

    Neste domingo (17), a vacinação contra a COVID-19 começou no Brasil, após aprovação em regime emergencial de duas vacinas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A autarquia liberou o uso das vacinas Oxford/AstraZeneca e CoronaVac, que já está sendo aplicada no país.

    Mônica Calazans, enfermeira de 54 anos do Instituto Emílio Ribas, em São Paulo, é a primeira vacinada contra a COVID-19 no Brasil
    Mônica Calazans, enfermeira de 54 anos do Instituto Emílio Ribas, em São Paulo, é a primeira vacinada contra a COVID-19 no Brasil

    Apesar do início da vacinação, a pandemia segue avançando no Brasil. No total, 11 estados registram alta na média de mortes diárias: Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Goiás, Amazonas, Rondônia, Tocantins, Alagoas, Pernambuco, Piauí e Sergipe.

    As unidades federativas que registraram estabilidade foram Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Espírito Santo, Distrito Federal, Mato Grosso, Amapá, Pará, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba e Rio Grande do Norte.

    Os estados do Acre e Mato Grosso do Sul são os únicos que registraram queda na média de mortes. Apenas o estado de Roraima não divulgou um balanço epidemiológico neste domingo (17).

    Conforme os dados da Universidade Johns Hopkins o Brasil é o segundo país com mais mortes em números absolutos, atrás apenas dos Estados Unidos. Os EUA registram hoje mais de 397 mil mortes por COVID-19 e quase 24 milhões de casos confirmados da doença.

    Tema:
    COVID-19 no Brasil em meados de janeiro de 2021 (97)

    Mais:

    IOF volta a vigorar no Brasil após queda para ajudar no combate ao efeito da COVID-19 na economia
    Índia diz que é 'muito cedo' para falar sobre exportação de vacinas contra COVID-19 ao Brasil
    Brasil tem 1.059 mortes em 24h e passa de 209 mil óbitos por COVID-19
    CoronaVac já está sendo entregue ao Ministério da Saúde, diz Doria
    Tags:
    EUA, Brasil, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar