18:11 26 Julho 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil luta contra COVID-19 no final de dezembro (60)
    140
    Nos siga no

    A proposta do governador Cláudio Castro passa também por uma articulação com o MetrôRio para encontrar uma solução para reduzir público.

    O prefeito em exercício do Rio de Janeiro, o vereador Jorge Felippe, decidiu "isolar" Copacabana durante o Réveillon para evitar aglomerações. Segundo a medida, apenas moradores poderão circular no bairro da Zona sul.

    A informação foi divulgada nesta quarta-feira (23) pelo portal G1. A decisão foi tomada após uma reunião de Felippe com o governador em exercício, Cláudio Castro. Eles se reuniram no Palácio Guanabara e Castro propôs o fechamento do bairro.

    Jorge Felippe ainda estuda impedir a entrada de ônibus de excursão na cidade do Rio de Janeiro. Ele deve entrar em contato com a Polícia Rodoviária Federal para discutir uma solução. Ambulantes de regiões onde tradicionalmente acontecem festas também serão impedidos de trabalhar para evitar aglomerações

    Na semana passada, o Rio anunciou o cancelamento de todas as festas oficiais de fim de ano. De acordo com a prefeitura, a decisão foi motivada "em favor da segurança de todos e em respeito a todas as vítimas".

    ​Festas em quiosques

    As festas públicas em Copacabana já tinham sido canceladas pelo prefeito Marcelo Crivella. As festas em quiosques também estão canceladas. Os estabelecimentos, entretanto, estão autorizados a funcionar como vêm operando desde a reabertura, em julho, "com quantidade reduzida de mesas, distanciamento de 1,5 metros entre elas, e seguindo todos os protocolos de segurança e higiene", segundo a concessionária Orla Rio.

    Festival de fogos de artifício visto de trás do Cristo Redentor, grande símbolo do Rio de Janeiro
    Fernando Maia/ Riotur
    Festival de fogos de artifício visto de trás do Cristo Redentor, grande símbolo do Rio de Janeiro
    Tema:
    Brasil luta contra COVID-19 no final de dezembro (60)

    Mais:

    Brasil registra maior média móvel de diagnósticos de COVID-19 desde o início da pandemia
    São Paulo cancela Réveillon devido à pandemia da COVID-19
    Estado brasileiro mais atingido pela COVID-19 tem previsão de festas para multidões no Réveillon
    Tags:
    Réveillon, Copacabana, Praia de Copacabana, rio de janeiro, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar