23:02 25 Fevereiro 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Coronavírus no Brasil no início de dezembro (59)
    9218
    Nos siga no

    Presidente faz visita ao Rio Grande do Sul nesta quinta-feira (10), onde participa de eventos de inauguração de obras públicas.

    O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta quinta-feira (10) que os brasileiros estão enfrentando um "finalzinho de pandemia" e que o Brasil foi o país 'que melhor se saiu' no combate à COVID-19.

    "Me permite falar um pouco do governo, que ainda estamos vivendo o finalzinho de pandemia. O nosso governo, levando-se em conta outros países do mundo, foi aquele que melhor se saiu, ou um dos que melhores se saíram na pandemia", disse Bolsonaro, segundo o G1.

    A declaração foi feita em Porto Alegre, durante inauguração do eixo principal da nova Ponte do rio Guaíba. Em visita ao Rio Grande do Sul, o presidente participará ainda da liberação de 27 quilômetros de duplicação da BR-116 no município de Barra do Ribeiro.

    "Devemos levar tranquilidade à população e não o caos. O que aconteceu no início da pandemia não leva a nada. Lamentamos as mortes profundamente e, assim sendo, vamos vencendo obstáculos", afirmou o presidente, em Porto Alegre.

    Os números da pandemia no Brasil seguem em alta. Segundo os dados do consórcio de veículos de imprensa divulgados nesta quarta-feira (9), 21 estados apresentam tendência de alta na média de mortes. É a primeira vez que o consórcio registra alta em tantos estados ao mesmo tempo.

    A média móvel de mortes diárias chegou a 652, um aumento de 34% em relação às duas últimas semanas. A média móvel de novos casos também está em alta: foram 41.926 novos registros de COVID-19, um aumento de 33% em relação aos últimos 14 dias.

    Tema:
    Coronavírus no Brasil no início de dezembro (59)

    Mais:

    França perde 60 bilhões de euros no setor de turismo devido às restrições da COVID-19
    COVID-19: Anvisa estende por 4 meses validade dos testes estocados, diz diretora
    Com mais de 3 mil mortes em 24h, EUA batem recorde de óbitos diários por COVID-19
    Cientistas revelam como COVID-19 interfere nos olhos
    Tags:
    novo coronavírus, COVID-19, pandemia, Jair Bolsonaro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar