04:20 04 Março 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Por
    669
    Nos siga no

    Com o resultado do segundo turno das eleições deste domingo (29), a lista de partidos que venceram nas grandes cidades, aquelas com mais de 200 mil habitantes, apresenta mudanças se comparado com 2016.

    O partido que lidera o ranking de municípios com esse perfil é o PSDB, seguido pelo MDB, PSD, DEM e Podemos.

    Partido Prefeitos eleitos em cidades acima de 200 mil habitantes
    PSDB 25
    MDB 24
    PSD 19
    DEM 13
    Pode (PTN e PHS) 9
    PP 8
    PT 7
    PSB 6
    Fonte: TSE

    Para o cientista político Paulo Silvino Ribeiro, da Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP), as eleições municipais do segundo turno mostraram que a população brasileira está escolhendo candidatos que se situam no "centro-direita do espectro político".

    Eduardo Paes vota no segundo turno das eleições municipais no Rio de Janeiro, no dia 29 de novembro de 2020
    © REUTERS / Sergio Moraes
    Eduardo Paes vota no segundo turno das eleições municipais no Rio de Janeiro

    Para Silvino Ribeiro, a postura representa uma derrota para o presidente Jair Bolsonaro.

    "Bolsonaro é o grande derrotado pelo fato de que as pessoas não estão mais votando ou escolhendo discursos à direita extremados. O que a gente vê é um deslocamento da orientação política da população para uma visão um pouco mais de centro-direita", disse à Sputnik Brasil.

    'Sucesso da esquerda nas eleições municipais não passa pelo PT'

    Outro ponto que chamou a atenção do cientista político é o desempenho ruim do Partido dos Trabalhadores (PT) nas eleições municipais deste ano. Em 2020, o PT não elegeu prefeito em nenhuma das capitais do Brasil pela primeira vez desde a redemocratização. Das 15 cidades em que disputava o segundo turno das eleições municipais, a sigla foi derrotada em 11, sendo duas capitais (Recife e Vitória).

    "O PT não tem nenhuma capital, o PT perdeu prefeituras, lamentavelmente o ex-presidente Lula e todo o partido tem uma dificuldade em fazer essa autocrítica e tem uma dificuldade em recompor com outros partidos do mesmo espectro de esquerda", disse Paulo Silvino Ribeiro.
    Partido Nº de capitais
    MDB 5
    DEM 4
    PSDB 4
    PDT 2
    PP 2
    PSB 2
    PSD 2
    Avante 1
    Podemos 1
    PSOL 1
    Republicanos 1
    Fonte: TSE

    Para o professor da FESPSP, além da dificuldade em dialogar com outros partidos da esquerda brasileira, o PT também ainda possui uma rejeição muito grande na população.

    "Isso de certo modo tem a ver não só com a dificuldade de diálogo que o partido tem, como ainda um certo resquício do pensamento anti-petista. Não acho que nós estamos mais no mesmo nível de ódio de 2018, mas ainda existe uma certa ressalva em relação ao PT e a figura do Lula", afirmou.

    Candidato Guilherme Boulos acena para apoiadores de sua casa em São Paulo
    © REUTERS / Amanda Perobelli
    Candidato Guilherme Boulos acena para apoiadores de sua casa em São Paulo

    No entanto, apesar de falar em uma derrota do PT, Paulo Silvino Ribeiro destacou que a esquerda brasileira saiu vitoriosa nessas eleições.

    "É fundamental entender que pari passu o sucesso da centro-direita há um sucesso de uma nova esquerda, de um outro movimento da esquerda", declarou.

    Segundo Silvino Ribeiro, a esquerda brasileira vive um movimento de se desatrelar da figura do PT.

    "Está acontecendo algo interessante na esquerda brasileira e ao que me parece não passa pelo PT, eu acho que o PDT é um partido que se destaca, mas o destaque tem que ser dado ao PSOL", completou.

    As opiniões expressas nesta matéria podem não necessariamente coincidir com as da redação da Sputnik

    Mais:

    Justiça determina quebra de sigilo de hackers brasileiros suspeitos de atacar TSE
    Hacker suspeito de invadir o sistema do TSE no Brasil é preso em Portugal
    Ibope: Paes lidera com folga no Rio; em SP, diferença entre Boulos e Covas é de 11 pontos
    Boulos vira o jogo: 'PSOL vai ter que conversar com PT e PT com PSOL', diz especialista
    Covas e Boulos eram os convidados, mas Twitter só queria saber do Lula e do PT
    'Onda Boulos': PSOL pode substituir PT como principal partido de esquerda do Brasil?
    Tags:
    Lula, Jair Bolsonaro, extrema-direita, centro-direita, direita, partidos de esquerda, esquerda, partidos políticos, PSDB, PT, eleições, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar