04:52 26 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    256
    Nos siga no

    Catorze das 16 cidades do estado estão sem energia desde a noite de terça-feira (3), quando incêndio atingiu uma subestação em Macapá.

    O secretário de Energia Elétrica, Rodrigo Limp, informou nesta quinta-feira (5) que o fornecimento de 100% da carga de energia elétrica necessária ao Amapá pode levar até 15 dias.

    As informações foram confirmadas pelo Portal 360.

    Limp afirmou também que espera o restabelecimento de até 70% da carga ainda hoje (5).

    O secretário informou que a solução está sendo estruturada em três fases: "A subestação tinha três transformadores. Hoje, os três estão indisponíveis, mas em um deles o dano é menor".

    A expectativa é que, com esse equipamento funcionando, de 60% a 70% da carga necessária para o estado seja disponibilizada.

    O estado do Amapá vive um blecaute em pelo menos 13 de seus 16 municípios desde a noite de terça-feira (3). O apagão foi ocasionado por um incêndio em uma subestação de energia em Macapá e afetou serviços de saúde, estações de tratamento de água e a comunicação no estado.

    No momento, as cidades que permanecem com energia são atendidas por sistemas próprios e isolados da rede geral.

    O senador Randolfe Rodrigues comentou em suas redes o apagão.

    Mais:

    Aumento do uso de energia renovável devido à pandemia é 'controverso', diz especialista
    Explosão de gasoduto nas proximidades de Damasco causa apagão de energia em toda a Síria
    Parceria entre Brasil e Argentina em energia nuclear mostra maturidade dos países, defende ABDAN
    Eletricidade do futuro? Especialistas comentam avanço da energia solar no Brasil e o papel da Huawei
    Tags:
    Amapá, luz, energia, apagão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar