00:38 24 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    0 30
    Nos siga no

    Todas as sessões de julgamento, virtuais ou por videoconferência, estão suspensas. Sistema do STJ está fora do ar desde terça-feira (3).

    Após o Superior Tribunal de Justiça (STJ) ter informado na quarta-feira (4) que seu sistema de informática foi alvo de um ataque hacker, a Polícia Federal confirmou nesta quinta-feira (5) que vai instaurar inquérito para apurar a denúncia.

    As informações foram publicadas no portal G1.

    Na terça-feira (3), os técnicos verificaram uma falha no sistema interno de proteção da rede. Depois, viram que o erro ocorria no acesso ao ambiente virtual onde estão hospedados quase todos os sistemas do STJ.

    ​Segundo o STJ, logo após a descoberta, foram identificadas novas tentativas de ataque.

    De acordo com comunicado da Polícia Federal, a entidade iniciou uma investigação para apurar a denúncia feita pelo STJ. "As diligências iniciais da investigação já foram adotadas, inclusive, com a participação de peritos da instituição", informou a PF.

    "Eventuais fatos correlatos poderão ser apurados na mesma investigação, que está em andamento na Superintendência Regional da Policia Federal no Distrito Federal", acrescentou a corporação.

    Presidente do STJ, o ministro Humberto Martins comunicou que todas as sessões de julgamentos foram suspensas até que a área técnica consiga restabelecer a segurança no sistema.

    Mais:

    Polícia Federal formaliza autorização para brasileiro comprar até 4 armas
    Polícia Federal prende 2 suspeitos de participarem do roubo de US$ 5 milhões em Viracopos1
    Polícia Federal faz operação de busca e apreensão na 77ª fase da Lava Jato
    Tags:
    investigação, hacker, STJ, Polícia Federal
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar