01:19 26 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    0 11
    Nos siga no

    O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu nesta terça-feira (27) o envio de tropas federais a sete estados durante o primeiro turno das eleições municipais brasileiras, marcado para o dia 15 de novembro.

    Os pedidos de reforço foram feitos pelos tribunais regionais dos estados de Amapá, Pará, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Norte, Acre e Tocantins.

    A decisão foi tomada de forma unânime na sessão plenária do tribunal desta terça-feira (27). As informações foram publicadas pelo portal G1.

    Os agentes vão atuar na garantia de segurança durante a votação e a apuração dos votos em 345 localidades.

    O primeiro turno da eleição está marcado para o dia 15 e o segundo turno, onde for necessário, será no dia 29 de novembro.

    Em 2018, mais de 28 mil militares das Forças Armadas foram convocados para atuar em 598 localidades nos dois turnos de votação. Em 2016, foram 25 mil militares, e em 2014, 30 mil.

    Mais:

    Presidente do TSE: nunca houve fraude na votação eletrônica no Brasil
    TSE faz parceria com redes sociais para combater fake news
    TSE celebra parceria com Twitter e TikTok para combater fake news
    TSE cria canal para denúncia de disparos em massa no WhatsApp
    TSE suspende inelegibilidade de Marcelo Crivella, candidato à reeleição no Rio de Janeiro
    Tags:
    segurança, Forças Armadas do Brasil, Forças Armadas, eleições diretas, eleições, eleição, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar