21:02 03 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    COVID-19 no Brasil em meados de outubro (54)
    0 10
    Nos siga no

    Na quarta-feira (21), morreu com falência múltipla dos órgãos, aos 83 anos, o senador Arolde de Oliveira (PSD-RJ), vítima da COVID-19.

    Oliveira era aliado do presidente brasileiro Jair Bolsonaro e ao longo da pandemia chegou a minimizar o impacto da doença sobre a população. A família do senador, que estava internado desde o dia 4 de outubro, lamentou a morte nas redes sociais.

    ​Oliveira foi eleito em 2018 para o Senado Federal com apoio da família Bolsonaro e também do pastor Silas Malafaia. O senador já foi secretário municipal de Transportes do Rio de Janeiro e exerceu nove mandatos como deputado federal, tendo sido eleito pela primeira vez em 1984.

    Com a morte do senador, seu suplente, Carlos Portinho (PSD), assumirá a vaga no Senado. Portinho foi secretário de Habitação no Rio de Janeiro durante a gestão do ex-prefeito Eduardo Paes (DEM) e hoje apoia candidatura de Luiz Lima (PSL) para a Prefeitura - concorrendo contra Paes.

    Na quarta-feira (21) o Brasil ultrapassou a marca de 155 mil mortes causadas pela COVID-19, além de registrar mais de 5,3 milhões de casos da doença.

    Tema:
    COVID-19 no Brasil em meados de outubro (54)

    Mais:

    'Pandemia Jair Bolsonaro' traz risco à liberdade de expressão, diz presidente da ABI
    'Não compraremos a vacina da China', afirma Bolsonaro
    Bolsonaro e CoronaVac tomam Twitter após presidente anunciar que brasileiro não será cobaia
    Tags:
    PSL, DEM, Jair Bolsonaro, PSD, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar