19:01 27 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    232226
    Nos siga no

    O Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ-AL) anulou um título de doutor honoris causa concedido ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pela Universidade Estadual de Alagoas (UNEAL), em agosto de 2017.

    A decisão do TJ-AL, conforme publicou o portal UOL, data de 23 de julho, mas só foi acrescentada ao processo na sexta-feira (9), anulando o ato administrativo que deu o título a Lula.

    Para o juiz Carlos Bruno de Oliveira Ramos, da 4ª Vara Cível de Arapiraca, a concessão do título "não é razoável" e não "atende à moralidade administrativa". Ainda segundo o juiz, esse tipo de honraria não deve ser concedida a "alguém condenado" e que "ainda responde a outras ações" na Justiça.

    O ex-presidente Lula durante reunião do diretório nacional do PT (Partido dos Trabalhadores), em São Paulo (foto de arquivo)
    © Folhapress / Zanone Fraissat
    O ex-presidente Lula durante reunião do diretório nacional do PT (Partido dos Trabalhadores), em São Paulo (foto de arquivo)

    A decisão do TJ-AL atende a uma ação movida pela advogada Maria Tavares Ferro, hoje candidata a vereadora pelo PSDB na capital alagoana, Maceió. Em 2018, a advogada concorreu, sem sucesso, ao cargo de deputada federal pelo partido Novo.

    Ainda segundo o UOL, a Justiça à época negou o pedido de Ferro, enquanto o Ministério Público pediu o arquivamento do processo. O juiz do TJ-AL, porém, decidiu julgar a ação em janeiro deste ano.

    Apesar de entregue a Lula em 2017, o título aprovado ainda em 2012 pela universidade seria uma homenagem aos resultados obtidos pela UNEAL, atribuídos ao conjunto de políticas públicas do governo do ex-presidente. Lula já recebeu 35 títulos honoris causa, concedidos por universidades de diversos países, incluindo o Instituto de Estudos Políticos de Paris, na França, e a Universidade de Salamanca, na Espanha.

    Mais:

    Lula está 'mais ofensivo, menos conciliador', diz cientista política
    Lava Jato do Paraná denuncia Lula novamente no MPF
    Cientista político: apoio de Lula ou Bolsonaro 'não é determinante' nas eleições municipais
    Tags:
    Tribunal de Justiça, Alagoas, Lula
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar