06:00 25 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    0 60
    Nos siga no

    A cidade do Rio de Janeiro entrou em estágio de atenção na manhã desta terça-feira (22) devido às chuvas intensas que atingem a capital e também a região metropolitana desde a madrugada do dia anterior.

    As chuvas intensas e persistentes inauguraram a primavera carioca e estão causando diversos transtornos pela cidade. Em diversos pontos da cidade há ruas alagadas e pelo menos quatro vias tiveram que ser interditadas. Em três unidades de saúde o teto desabou e em algumas favelas, sirenes de alerta foram acionadas, como na Rocinha, Formiga e Sítio Pai João.

    ​Segundo nota publicada pelo Centro de Operações Rio (COR), o núcleo das chuvas está atualmente sobre a região do Maciço da Tijuca. Em diversos pontos da cidade, o volume de precipitação supera a média história para todo o mês, é o caso do Alto da Boa Vista, onde já choveu 183mm, enquanto a média era de 148mm, e da Estação Grota Funda, onde já choveu 150mm e a média era de 107mm.

    ​Segundo levantamento publicado pelo portal G1, há pelo menos 17 pontos de alagamento espalhados pelas vias da cidade. Os aeroportos Galeão e Santos Dumont estão operando com a ajuda de instrumentos.

    ​Um trecho do BRT, entre as estações Santa Veridiana e Santa Cruz foi interditado por causa das chuvas, enquanto a Linha 10 teve a circulação totalmente interrompida. Além disso, pelo menos sete quedas de árvores foram registradas em todo o município do Rio de Janeiro, enquanto um poste também caiu em Barra de Guaratiba.

    ​As chuvas são um problema histórico no Rio de Janeiro e anualmente causam prejuízos e acidentes por toda a cidade. O tempo deve permanecer instável ao longo do dia devido à passagem de uma frente fria sobre a região e a temperatura na cidade não deve passar de 22°C.

    Mais:

    MP-RJ aponta Crivella como protagonista em 'gigantesco esquema de corrupção'
    TRE do Rio forma maioria para tornar Crivella inelegível até 2026
    COVID-19: Rio de Janeiro prorroga restrições até 6 de outubro
    Tags:
    Rio de Janeiro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar