07:51 26 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    0 30
    Nos siga no

    Nesta quarta-feira (16), o Ministério Público do Paraná (MP-PR) e a Polícia Civil cumprem um mandado judicial no escritório do deputado federal Ricardo Barros (PP), em Maringá, no norte do Paraná.

    De acordo com o portal G1, o deputado federal estaria sendo investigado por suposto desvio de cerca de R$ 200 mil na compra de equipamentos eletrônicos e de energia em Curitiba, no Paraná, em 2011.

    Polícia Civil do Paraná
    © Folhapress / Eduardo Matysiak
    Polícia Civil do Paraná

    O escritório alvo de investigação fica localizado em Maringá. Além disso, a casa de um empresário, que é amigo da família do parlamentar há mais de 30 anos, em Higienópolis, em São Paulo (SP), é alvo de um mandado de busca e apreensão.

    Ricardo Barros já foi ministro da Saúde durante o governo Temer, antes de se tornar o líder do governo Bolsonaro na Câmara.

    Apesar das acusações, ainda não há informações sobre as supostas irregularidades que estão sendo investigadas.

    Mais:

    Polícia Civil cumpre mandados de apreensão contra grupos extremistas no DF
    Bolsonaristas mandam recado para opositores do ministro da Educação: 'Não mexam com Weintraub'
    PF cumpre mandados de busca e apreensão contra atos antidemocráticos
    Tags:
    desvios, Maringá, Paraná, mandado de busca e apreensão, mandados, investigação
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar