02:04 01 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil lutando com COVID-19 no início de setembro (45)
    0 43
    Nos siga no

    A BCG, vacina da tuberculose, será testada em breve no Brasil contra o coronavírus, como parte de estudo realizado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e o Instituto de Pesquisa Infantil Murdoch, da Austrália.

    Serão testados 3.000 voluntários no Brasil, segundo o jornal O Globo, sendo 1.000 no Rio de Janeiro e 2.000 no Mato Grosso do Sul.

    Os voluntários são profissionais da área de saúde e que atuam no combate à COVID-19. De acordo com estudos, a BCG, que provoca uma resposta imunológica ampla, tem apresentado bons resultados contra o coronavírus.

    Testes também estão sendo feitos na Austrália, Espanha e Reino Unido.

    Voluntários serão acompanhados semanalmente

    A pesquisa, que já está na fase três, a mais avançada, tem apoio da Organização Mundial da Saúde (OMS) e financiamento da Fundação Gates.  

    Segundo os autores da pesquisa no Brasil, os voluntários passarão por exames para saber se tiveram COVID-19. Além disso, serão consultados semanalmente para informar se apresentaram sintomas da doença. 

    O objetivo é saber se a BCG impede a infecção pelo coronavírus ou se é capaz de amenizar a enfermidade.  A vacina contra a tuberculose estimularia a resposta inata do sistema imunológico contra vários patógenos, e não somente o bacilo da tuberculose. 

    Tema:
    Brasil lutando com COVID-19 no início de setembro (45)

    Mais:

    Centro Gamaleya refuta acusações de não fornecer dados confiáveis sobre testes da vacina Sputnik V
    Brasil estuda participar de programa mundial de vacina da OMS
    COVID-19: Biden diz que atitude de Trump custou mais de 50 mil vidas nos EUA
    Número de mortes por COVID-19 no mundo chega a 900 mil
    Tags:
    Fiocruz, vacina, tuberculose, Austrália, Brasil, COVID-19, novo coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar