02:58 01 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil lutando com COVID-19 no início de setembro (45)
    0 11
    Nos siga no

    O Brasil registrou 447 mortos pelo coronavírus nas últimas 24 horas, fazendo total de óbitos pela COVID-19 chegar a 126.650, segundo boletim do Ministério da Saúde divulgado neste domingo (6).

    De acordo com a pasta, foram contabilizados 14.521 novos casos da doença. Ao todo, 4.137.521 pessoas já foram infectadas pelo vírus no Brasil. 

    A taxa de mortalidade é de 3,1%. O índice de letalidade, por 100.000 habitantes, é de 60,3. Já a taxa de incidência, também por 100.000 habitantes, é de 1968,9. 

    Segundo o ministério, 3.317.227 de pessoas se recuperaram da COVID-19, enquanto 693.644 casos estão em acompanhamento. 

    Média de mortes caiu

    Segundo levantamento feito por consórcio de imprensa criado para acompanhar a evolução da doença, a média móvel de mortes, calculada com os números dos últimos sete dias, caiu 17%, primeira vez desde 5 de junho que o índice fica acima de 15%.

    Além disso, o único estado que apresenta alta na média de mortes é o Amazonas. 

    Por outro lado, a média está estável em 14 estados: Paraná, Rio Grande do Sul, Espírito Santo, Minas Gerais, São Paulo, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins e Ceará. 

    Em doze estados, a média registra queda: Santa Catarina, Rio de Janeiro, Acre, Amapá, Alagoas, Bahia, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe. 

    Tema:
    Brasil lutando com COVID-19 no início de setembro (45)

    Mais:

    Cientistas russos testam vacina contra COVID-19 em idosos
    Praias voltam a lotar no Rio de Janeiro em meio à pandemia de COVID-19 (FOTOS)
    EUA: Apenas 21% da população afirma querer tomar vacina contra COVID-19 assim que possível
    Tags:
    Ministério da Saúde, Brasil, casos, saúde, pandemia, COVID-19, novo coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar