09:23 18 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    0 161
    Nos siga no

    Neste sábado (22), cerca de 2.000 pessoas foram evacuadas após um rompimento na tubulação da barragem de Jati, no Ceará, parte da transposição do São Francisco.

    O rompimento, que foi controlado durante a madrugada, ocorreu no Eixo Norte da transposição do rio São Francisco apenas um dia após um evento de abertura de comportas, com participação do ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

    O vazamento foi controlado, apesar de dificuldades técnicas para avaliação da estrutura devido à iluminação durante a noite. O Ministério do Desenvolvimento Regional publicou nota oficial afirmando que uma equipe da Defesa Civil Nacional foi enviada ao local para avaliar a situação e que a evacuação seguiu o Plano de Ação Emergencial (PAE) desenvolvido para a estrutura.

    Ainda segundo a nota publicada pelo Ministério, as 2.000 famílias deslocadas foram encaminhadas para alojamentos na região e para casas de parentes e amigos, onde devem permanecer até o fim das avaliações técnicas no reservatório.

    Conforme publicou o portal G1, o secretário estadual de Recursos Hídricos do Ceará, Francisco Teixeira, afirmou que a preocupação principal foi com o processo de erosão causado pelo vazamento na barragem. Ainda segundo a publicação, não há risco de rompimento da estrutura.

    Presidente da República Jair Bolsonaro posa para fotografia no canal de transposição do Rio São Francisco
    © Foto / Agência Brasil / Alan Santos / PR
    Presidente da República Jair Bolsonaro posa para fotografia no canal de transposição do Rio São Francisco

    O secretário estadual também informou que houve queda de energia na região após o vazamento e foi necessário levar um gerador ao local para garantir o controle da comporta da barragem.

    O Eixo Norte da transposição do rio São Francisco foi inaugurado em 26 de junho, em evento com participação do presidente brasileiro Jair Bolsonaro. O Ministério do Desenvolvimento Regional marcou uma coletiva de imprensa no local às 14h30 deste sábado (22) para responder perguntas sobre o incidente.

    Mais:

    Buscamos de forma 'holística' inserir brasileiro no mercado de trabalho, diz Rogério Marinho
    Brasil está 'voltando ao normal' do COVID-19, diz Bolsonaro ao exaltar geração de empregos
    Comitê da Bacia do São Francisco descarta possibilidade de contaminação com lama da Vale
    Tags:
    Rogério Marinho, Jair Bolsonaro, Rio São Francisco, Ceará
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar