00:32 19 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil na pandemia de coronavírus no início de agosto (49)
    230
    Nos siga no

    Mais de 16.400 novos casos de COVID-19 e mais de 500 novas mortes relacionadas ao novo coronavírus foram confirmadas no Brasil nas últimas 24 horas, de acordo com os dados mais recentes do Ministério da Saúde.

    O Brasil agora tem um total de 2.750.153 casos confirmados de COVID-19, com 16.476 novos casos registrados nas últimas 24 horas, informou o Ministério da Saúde nesta segunda-feira (3).

    No mesmo período, 556 novas mortes por COVID-19 foram confirmadas no Brasil, elevando o número total de mortes no país para 94.660.

    No domingo (2), o Brasil registrou 25.800 novos casos de novo coronavírus e 541 novas fatalidades. No sábado (1º), o Brasil registrou 45.392 novos casos e 1.088 novas mortes por COVID-19, enquanto na sexta-feira (31) houve 52.383 novos casos de COVID-19 e mais de 1.200 novas mortes relacionadas ao novo coronavírus.

    O estado de São Paulo, o estado mais populoso do Brasil, é o epicentro do surto nacional, com 560 mil infecções e 23.365 mortes, seguido pelo Rio de Janeiro, com 168.064 infecções e 13.604 mortes.

    Imagem de coronavírus com gotas de água
    Imagem de coronavírus com gotas de água

    Mais de 1,8 milhão de pessoas se recuperaram da COVID-19 no Brasil desde o início da epidemia no país, segundo o Ministério da Saúde.

    O Brasil é o segundo na contagem global de casos do novo coronavírus, depois dos Estados Unidos, que têm um total de mais de 4,6 milhões de casos confirmados.

    Os EUA também têm o maior número de mortes por COVID-19 em todos os países (mais de 155 mil mortes confirmadas). O Brasil tem o segundo maior número de mortos, enquanto o México é o terceiro com mais de 47.700 mortes relatadas.

    Tema:
    Brasil na pandemia de coronavírus no início de agosto (49)

    Mais:

    OMS coordenará investigação sobre origem da COVÌD-19 com a China
    Ministro da Casa Civil, Braga Netto, está com COVID-19
    Estudo explica por que pacientes não podem usar hidroxicloroquina e cloroquina para tratar COVID-19
    Tags:
    saúde, pandemia, Ministério da Saúde, novo coronavírus, COVID-19, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar