01:46 12 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Situação com coronavírus no Brasil no fim de junho (51)
    222
    Nos siga no

    O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, propôs nesta segunda-feira (22), que as eleições sejam adiadas entre os dias 15 de novembro e 20 de dezembro.

    Barroso participou de uma audiência no Senado Federal.

    "O TSE propôs ao Congresso o adiamento dentro de uma janela que os médicos sugeriram ser entre 15 de novembro e 20 de dezembro. Essa será uma escolha política do Congresso", afirmou Barroso, citado pela Agência Brasil.

    Os senadores devem votar nesta terça-feira (23) uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que trata do adiamento das eleições municipais de 2020 em razão da pandemia do novo coronavírus.

    Barroso, no entanto, defendeu que as eleições sejam realizadas ainda neste ano para que mandatos em vigor não sejam esticados.

    "O consenso que existe é pela não prorrogação de mandatos", afirmou o ministro.

    O calendário eleitoral atual estabelecia que o primeiro e o segundo turnos fossem realizados, respectivamente, nos dias 4 e 25 de outubro.

    Tema:
    Situação com coronavírus no Brasil no fim de junho (51)

    Mais:

    COVID-19: eleições podem ser adiadas para 15 de novembro ou 6 de dezembro, diz Maia
    Barroso assume o TSE e cita adiamento das eleições em caso de risco à saúde pública
    Brasil pode ficar sem eleições em 2020?
    Tags:
    Luis Roberto Barroso, COVID-19, adiamento, Tribunal Superior Eleitoral, Brasil, eleições
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar