11:17 14 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    8116
    Nos siga no

    Neste domingo (21), manifestações contra e a favor do presidente brasileiro Jair Bolsonaro foram realizadas em Brasília.

    Uma manifestação antirracista e contra o presidente Jair Bolsonaro teve local em Brasília na manhã deste domingo (21) e reuniu centenas de pessoas.

    Manifestações semelhantes têm sido realizadas nas últimas três semanas em diversas capitais brasileiras.

    Em Brasília, um manifestante participa de protesto antirracista e contra o governo de Jair Bolsonaro, em 21 de junho de 2020.
    © REUTERS / Adriano Machado
    Em Brasília, um manifestante participa de protesto antirracista e contra o governo de Jair Bolsonaro, em 21 de junho de 2020.

    Os protestos ecoam, além da insatisfação do grupo contra o governo brasileiro, as manifestações que ocorrem em diversos países desde o assassinato de George Floyd, homem negro morto sob custódia policial nos Estados Unidos.

    Em Brasília, manifestantes antirracistas participam de protesto contra o presidente Jair Bolsonaro, em 21 de junho de 2020.
    © REUTERS / Adriano Machado
    Em Brasília, manifestantes antirracistas participam de protesto contra o presidente Jair Bolsonaro, em 21 de junho de 2020.

    Na mesma linha, na semana passada, manifestações no Rio de Janeiro protestaram contra o racismo e pelo fim das operações policiais em favelas no Rio de Janeiro durante o período da pandemia. A polícia carioca bateu recorde de mortes durante o período no mês de abril, incluindo mortes de crianças negras.

    Em Brasília, manifestantes antirracistas levantam os punhos durante protesto contra o presidente Jair Bolsonaro, em 21 de junho de 2020.
    © REUTERS / Adriano Machado
    Em Brasília, manifestantes antirracistas levantam os punhos durante protesto contra o presidente Jair Bolsonaro, em 21 de junho de 2020.

    Além das mensagens contra o racismo e contra o presidente Bolsonaro, os manifestantes também levaram mensagens de apoio ao Sistema Único de Saúde (SUS) e contra a Polícia Militar. A polícia acompanhou os manifestantes dos dois lados e utilizou a cavalaria para evitar contatos entre os grupos.

    Apoiadores de Bolsonaro voltam às ruas de Brasília

    Em Brasília, uma manifestação favorável ao governo de Jair Bolsonaro também foi realizada, como tradicionalmente vem acontecendo na capital aos domingos nas últimas semanas.

    Em Brasília, um homem segura uma placa em apoio ao presidente dos EUA, Donald Trump, durante manifestação favorável ao presidente brasileiro Jair Bolsonaro, em 21 de junho de 2020.
    © REUTERS / Adriano Machado
    Em Brasília, um homem segura uma placa em apoio ao presidente dos EUA, Donald Trump, durante manifestação favorável ao presidente brasileiro Jair Bolsonaro, em 21 de junho de 2020.

    Centenas de manifestantes participaram do ato. Entre eles, faixas e placas criticaram o Supremo Tribunal Federal e pediram o impeachment do ministro do STF Alexandre de Moraes, conforme publicou o site UOL. Nas semanas anteriores, essas manifestações chegaram a contar com a participação do próprio presidente Jair Bolsonaro.

    Em Brasília, uma mulher segura um cartaz durante manifestação em apoio ao presidente brasileiro Jair Bolsonaro, em 21 de junho de 2020.
    © REUTERS / Adriano Machado
    Em Brasília, uma mulher segura um cartaz durante manifestação em apoio ao presidente brasileiro Jair Bolsonaro, em 21 de junho de 2020.

    A manifestação ocorre em meio a mais um capítulo da crise política envolvendo o governo. Além de inquéritos no Supremo Tribunal Federal (STF) e da crise sanitária da COVID-19, a prisão de Fabrício Queiroz durante a semana também desgasta a família Bolsonaro.

    Em Brasília, manifestantes participam de protesto favorável ao governo do presidente brasileiro Jair Bolsonaro, em 21 de junho de 2020.
    © REUTERS / Adriano Machado
    Em Brasília, manifestantes participam de protesto favorável ao governo do presidente brasileiro Jair Bolsonaro, em 21 de junho de 2020.

    Queiroz é investigado por suspeita de operar um esquema de corrupção no gabinete de Flávio Bolsonaro à época do mandato do filho do presidente como deputado estadual no Rio de Janeiro. Queiroz foi preso na quinta-feira (18) em um imóvel pertencente ao advogado da família Bolsonaro, Frederick Wassef.

    Mais:

    Bolsonaro discursa para multidão em frente ao quartel-general do Exército em Brasília (VÍDEO)
    Domingo de protestos: contra Bolsonaro, manifestação em Brasília defende democracia (FOTOS)
    Rio de Janeiro e São Paulo têm manifestações antirracistas e contra Bolsonaro (FOTOS)
    Fabrício Queiroz reaparece, volta a assombrar o Planalto e isola Bolsonaro
    Empresa fundada por ex-esposa de Wassef recebeu R$ 41 milhões na gestão Bolsonaro, diz site
    Tags:
    Alexandre de Moraes, Flávio Bolsonaro, Jair Bolsonaro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar