23:26 03 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Situação do mundo com COVID-19 em meados de junho (50)
    9523
    Nos siga no

    O presidente Jair Bolsonaro afirmou ter tido uma conversa, na manhã desta segunda-feira (15), com o líder russo Vladimir Putin, onde debateram a próxima reunião do BRICS e a luta contra a pandemia do coronavírus.

    Em sua conta oficial no Twitter, Bolsonaro comunicou sobre a conversa com Putin e sobre os planos da próxima cúpula do BRICS, incluindo a cooperação entre ambos os países.

    A assessoria de imprensa do Kremlin comunicou que Putin, durante conversa telefônica com Bolsonaro, discutiu a situação sobre coronavírus, energia, agricultura, espaço e interação no BRICS.

    "A situação em torno da pandemia do coronavírus e as medidas tomadas em ambos os países para combater a propagação desta infecção e as suas consequências foram discutidas. Foram considerados aspectos atuais da parceria estratégica bilateral, incluindo o desenvolvimento futuro da cooperação em áreas como a energia, a agricultura e o espaço", afirma o comunicado.

    O Kremlin também informou que os presidentes trocaram opiniões sobre as perspectivas de cooperação no âmbito do BRICS, levando em consideração a presidência russa dessa associação neste ano.

    Próxima cúpula do BRICS

    Pauta da conversa, a próxima cúpula do BRICS (grupo formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), será realizada na cidade russa de São Petersburgo, inicialmente planejada para acontecer entre 21 e 23 de julho.

    Contudo, em 27 de maio, o Kremlin informou que as cúpulas do BRICS e da Organização para Cooperação de Xangai foram adiadas devido à pandemia de coronavírus, informando que "as novas datas das cúpulas serão determinadas em função da evolução da situação epidemiológica nos Estados da associação e no mundo em geral".

    O Brasil e a Rússia tornaram-se uns dos países mais afetados pelo coronavírus no mundo, ocupando atualmente o segundo e o terceiro lugar, respectivamente, na lista das nações com mais casos de COVID-19, liderada pelos Estados Unidos.

    Tema:
    Situação do mundo com COVID-19 em meados de junho (50)

    Mais:

    Banco do BRICS alocará US$ 15 bi para recuperação da economia dos países-membros após pandemia
    De olho em vacina, países do BRICS debatem coordenação na luta contra a COVID-19
    Kremlin: estão incertas datas de realização das cúpulas de BRICS e OCX na Rússia
    Tags:
    COVID-19, novo coronavírus, BRICS, Vladimir Putin, Jair Bolsonaro, Rússia, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar