17:41 13 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    5511
    Nos siga no

    Neste domingo (14), o ministro da Educação, Abraham Weintraub, participou de manifestações a favor do presidente brasileiro Jair Bolsonaro, em Brasília.

    Conforme publicou o jornal O Estado de São Paulo, Weintraub se encontrou com um grupo de cerca de 15 manifestantes que furaram um bloqueio na Esplanada dos Ministérios e estavam em local em frente ao Ministério da Agricultura.

    O bloqueio foi decretado pelo governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), devido, entre outras razões, a preocupações sanitárias.

    A movimentação foi publicada em uma página do Facebook, que mostra Weintraub em meio aos manifestantes. Questionado pelos presentes, o ministro evitou tecer comentários a respeito de decisões do Supremo Tribunal Federal (STF).

    No vídeo, ele afirma que não pode "aumentar a pressão que já existe" e que não foi autorizado por Bolsonaro a falar contra ministros do STF. Weintraub também pediu aos manifestantes que "não pisem fora da linha" e não cometam atos ilegais.

    O ministro da Educação pediu ainda que os manifestantes fizessem orações pois "o outro lado" faria "macumba" contra ele.

    Em reunião ministerial no dia 22 de abril, Weintraub foi filmado chamando os ministros do STF de vagabundos e afirmando que os mandaria para a cadeia. Após a divulgação do vídeo, o ministro da Educação foi chamado pelo STF a depôr na Polícia Federal, mas preferiu se manter em silêncio.

    Mais:

    Bolsonaro participa de manifestação a favor de seu governo e com pedidos antidemocráticos (FOTOS)
    Celso de Mello levanta sigilo e libera vídeo da polêmica reunião com Bolsonaro e Moro (VÍDEO)
    Weintraub diz que tentaram 'deturpar' suas declarações sobre ministros do STF
    Após chamar ministros do STF de 'vagabundos', Weintraub é convocado pelo Senado
    Weintraub tem 5 dias para explicar pedido de 'prisão' de ministros do STF
    Weintraub fica calado em depoimento à PF sobre fala de que botaria 'vagabundos' do STF na cadeia
    Bolsonaro edita MP para Weintraub escolher reitores de universidades durante pandemia
    Tags:
    Ministério da Educação, Ministério da Agricultura do Brasil, Brasília, Jair Bolsonaro, Abraham Weintraub
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar