11:04 26 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil e COVID-19 em meados de junho (41)
    3151
    Nos siga no

    O Brasil ultrapassou a cifra de 40 mil mortes por novo coronavírus, segundo atualização do Ministério da Saúde divulgada na noite desta quinta-feira (11).

    Segundo o balanço do Ministério, 1.240 novas mortes e 30.412 novos casos de COVID-19 foram registrados nas últimas 24h. Dessa forma, o país chegou a 40.919 óbitos em função da pandemia do novo coronavírus e 802.828 pessoas estão infectadas. O relatório do órgão também revelou que 416.314 pessoas seguem em observação e 345.595 estão recuperados.

    O balanço registra um aumento de 3,9% no número de casos em relação à quarta-feira (10), quando o total registrado foi de 772.416. As mortes aumentaram 3,1% em comparação com o dado anterior, quando foram contabilizados 39.680 falecimentos. A taxa de letalidade (número de mortes pela quantidade de casos confirmados) ficou em 5,1%. A taxa de mortalidade (falecimentos por 100.000 habitantes) foi de 19,5.

    Os estados com maior número de óbitos são São Paulo (10.145), Rio de Janeiro (7.363), Ceará (4.663), Pará (4.030) e Pernambuco (3.633). Ainda figuram entre os com altos índices de vítimas fatais em função da pandemia Amazonas (2.400), Maranhão (1.360), Bahia (1.013), Espírito Santo (962), Alagoas (681) e Paraíba (570).

    Os estados com mais casos são São Paulo (162.520), Rio de Janeiro (75.775), Ceará (73.879), Pará (64.126) e Amazonas (53.989).

    Tema:
    Brasil e COVID-19 em meados de junho (41)

    Mais:

    Bolsonaristas tentam vandalizar protesto que chamava atenção para mortes por COVID-19 no RJ (VÍDEOS)
    Após protestos, União Europeia teme 2ª onda da COVID-19
    Tags:
    Ministério da Saúde, Brasil, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar