13:32 03 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil combatendo pandemia da COVID-19 no fim de maio (63)
    0 41
    Nos siga no

    O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nesta quinta-feira (21) que o Congresso Nacional avalia a possibilidade de adiar o primeiro turno das eleições municipais deste ano para o dia 15 de novembro ou 6 de dezembro.

    A justificativa usada por Maia é para que as eleições possam ocorrer com segurança sem riscos relacionados à pandemia do novo coronavírus e também para que os atuais mandatos de prefeitos e vereadores sejam prorrogados. As informações foram publicadas pelo portal G1.

    "Você tem aí dois períodos que estão sendo discutidos. Seria 15 de novembro ou o primeiro domingo de dezembro para o primeiro turno. E o segundo turno em um período menor para dar tempo de fazer a transição, da prestação de contas. Essas são as ideias", afirmou Maia.

    No entanto, Maia disse que antes da discussão das datas é necessário decidir a favor do adiamento.

    "Tem que ver se vai ter voto para adiar. A partir do voto para adiar, se discute uma data, tudo em sintonia com o ministro Barroso, que, a partir de segunda, começa a presidir o Tribunal Superior Eleitoral", disse.

    A Constituição Federal estabelece que o primeiro turno das eleições deve ser realizado no primeiro domingo de outubro e o segundo turno, se houver, no último do mesmo mês.

    Tema:
    Brasil combatendo pandemia da COVID-19 no fim de maio (63)

    Mais:

    Pandemia do coronavírus pode adiar eleições municipais de outubro?
    Barroso, que assumirá TSE em maio, diz que eleições de 2020 estão ameaçadas
    Congresso discutirá adiamento de eleições, diz Rodrigo Maia
    Tags:
    calendário, Rodrigo Maia, eleições, Brasil, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar